Melhores Sites De Apostas

Brasil x Argentina: Prognóstico das Eliminatórias da Copa do Mundo

Nesta quinta-feira (10), serão realizados os cinco confrontos da 11ª rodada das Eliminatória Sul-Americanas, quando, sem sombra de dúvidas, todos os holofotes estarão voltados para o maior clássico do continente, entre Brasil e Argentina. A Seleção Brasileira volta ao Mineirão – palco da maior derrota de sua história, o fatídico 7 a 1 para a Alemanha, na semifinal da Copa de 2014 – respirando novos ares de confiança, desde que Tite assumiu o comando da equipe.

BRASIL X ARGENTINA

No caso dos nossos “hermanos”, o clima é completamente oposto. Depois de uma sequência com dois empates e uma derrota, os argentinos despencaram da vice-liderança para o sexto lugar, posição que, hoje, decretaria a ausência dos bicampeões no Mundial de 2018. E ter que buscar uma reação, justamente, contra o time Canarinho, primeiro colocado das Eliminatórias, longe de Buenos Aires, será uma missão das mais ingratas, mesmo com o reforço do supercraque Lionel Messi.

Logo, a vitória alviceleste, na capital mineira, em partida marcada às 21h45 (horário de Brasília), representa uma ótima chance de lucro satisfatório, com a margem de 375%, cifra que torna-se ainda mais robusta se os argentinos obtiverem dois gols de vantagem no placar: R$ 18/R$ 1.

Mas por tudo o que já foi dito, o triunfo brasileiro é o resultado com maior probabilidade de acontecer, com a previsão de pagamento de R$ 2,08 por R$ 1. Mas, com diferentes combinações no placar, o faturamento em cima de um palpite nos pentacampeões aumenta substancialmente, como o 2 a 1 (R$ 8,50/R$ 1), 3 a 1 (R$ 17/R$ 1) ou mesmo um tenso 3 a 2 (R$ 34/R$ 1), que se converteria no estresse mais satisfatório de qualquer um. Com relação ao empate em Belo Horizonte, a cotação é de R$ 3,28/R$ 1.

URUGUAI X EQUADOR

E a atmosfera não estará quente somente no Mineirão, já que o segundo colocado, Uruguai, recebe o terceiro, Equador, no Centenário de Montevidéu, às 21h (horário de Brasília). Portanto, promessa de muita nitroglicerina em campo e, também, uma dose de imprevisibilidade. Atualmente, é muito difícil a Celeste não sair vencedora de qualquer duelo em casa, ainda mais na ótima fase que se encontra e liderada pelo craque Luisito Suárez, artilheiro do Barcelona.

Se o seu tino pende para o lado dos mandantes, saiba que a valorização nos aportes é de 59%. Já os equatorianos, que têm uma equipe entrosada, bem azeitada (como diriam os antigos) e com um fôlego invejável, têm predicados dignos de provocar a troca da camisa amarela por uma com estampa de zebra. Logo, o triunfo longe de Quito traz nada mais do que 605% de rentabilidade, contra 391% do empate.

COLÔMBIA X CHILE

Nunca as Eliminatórias da América do Sul foram tão equilibradas e imprevisíveis, a ponto de a diferença do líder para o sétimo colocado ser de apenas seis pontos. E ainda sobre a 11ª rodada, teremos outro confronto de causar um tremor. Falaremos, agora, de Colômbia e Chile, que medem forças, às 18h30 (horário de Brasília), no Metropolitano Barranquilla, que é o estádio oficial da seleção colombiana, que ocupa o quarto lugar na classificação, enquanto os visitantes estão uma posição abaixo apenas.

Com expectativa de casa cheia, os comandados de José Pékerman contam com o aval do Oddsshark.com/br para conquistarem os três pontos, quando este palpite está precificado em R$ 1,82 sobre cada real. Já uma, até certo ponto, surpreendente vitória chilena faria com que os aportes ganhassem 435% de valorização. O placar igual na cidade de Barranquilla vale R$ 3,61/R$ 1.

PARAGUAI X PERU

Dependendo de uma dupla combinação de resultados, o Paraguai, sétimo lugar na tábua de classificação, pode até pular para o quarto posto. Para isso, é fundamental ganhar do Peru, oitavo colocado, às 21h30, no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção. Este é o palpite mais provável de acontecer, com a expectativa do pagamento de R$ 1,77/R$ 1. Já a equipe comandada pelo atacante Paolo Guerrero pode elevar os investimentos em 489%, caso surpreenda os mandantes. A ocorrência de um empate vai possibilitar o lucro de R$ 3,55/R$ 1.

VENEZUELA X BOLÍVIA

Aqui, lanterna e vice-lanterna duelam para saber quem é o pior time das Eliminatórias. Atuando em seus domínios, os venezuelanos, últimos colocados, são favoritos, amparados pela margem de resgate de 56%, contra 592% em favor dos bolivianos. Se ambos marcarem um ponto apenas, o ganho cai para R$ 4,18/R$ 1.

Comments