Melhores Sites De Apostas

Era Tite coloca Brasil na Rússia e acirra odds pelo título da Copa do Mundo

Foto: Buda Mendes/Getty Images

Com nove vitórias consecutivas, seleção canarinho já garantiu vaga no próximo mundial e ainda assegurou liderança do ranking da FIFA após sete anos; Neymar e companhia diminuem favoritismo alemão nas casas de apostas

Se há um ano você escutasse que o Brasil seria o favorito para a Copa do Mundo 2018 na Rússia, qual seria sua reação? Certamente daria risada, em tom de deboche, ou mesmo teria um sentimento de tristeza. E é lógico, dada a situação caótica da equipe. Mas o futebol é dinâmico e, como sabemos, tudo muda muito rápido. Bastou um tal de Adenor Leonardo Bachi, mais conhecido como Tite, assumir o cargo mais cobiçado do esporte mais popular do planeta para que o prestígio da seleção pentacampeã mundial voltasse. E retornou com tudo, já garantindo a vaga para a competição no Leste Europeu, com quatro rodadas de antecedência, e ainda assegurando a liderança do ranking da FIFA.

Haja boa notícia para comemorar, não?! Desde que assumiu a Seleção Brasileira, em junho do ano passado, Tite alcançou incríveis nove vitórias consecutivas, sendo oito pelas Eliminatórias Sul-Americanas. Alguns resultados expressivos, como 3 a 0 sobre a Argentina, em Belo Horizonte, 4 a 1 sobre o Uruguai, em Montevideo, e 3 a 0 sobre o Equador, na altitude, estão entre os destaques desta incrível campanha. Para você ter uma dimensão de quanto é fundamental o fator “Tite”, apenas com a pontuação já alcançada – 24 pontos - com o ex-técnico do Corinthians no comando seria suficiente para o Brasil liderar a competição. A Colômbia, atualmente com 24 pontos, seguiria com a vice-liderança, já que perderia no saldo de gols. Hoje, o Brasil possui 33 pontos.

Primeiro país a garantir vaga no Mundial – exceção, é claro, da Rússia, o país-sede -, o Brasil ganha também com esta nova fase a liderança do ranking da FIFA. Isso não ocorria há sete anos, quando a seleção comandou a classificação com Dunga, pouco antes da Copa na África do Sul. Durante o período de escassez, a seleção chegou a amargar a 22ª posição em 2013, considerada a pior colocação em toda a história. Mas tudo mudou. Com o novo momento, a seleção vai ultrapassar a Argentina, atual líder, que hoje tem 1.644 pontos, porém cairá para 1.603 devido à derrota para a Bolívia. Já a equipe canarinho, que bateu com solidez uruguaios e paraguaios, passa de 1.534 para 1.661 pontos.

Além do treinador gaúcho, algumas peças foram fundamentais para o retorno do “futebol arte e competitivo”. Mais maduro, Neymar vive sua melhor temporada em termos de poder de decisão com o Barcelona, e isso tem se refletido na Seleção Brasileira. Ele é o artilheiro na Era Tite, com seis gols, um a mais que o também jovem Gabriel Jesus. Por falar no ex-palmeirense que, lesionado, perdeu os dois últimos jogos do país, ele segue com prestígio com o treinador. Prestígio esse que só aumenta quando o assunto é Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho. O trio, mais uma vez, foi muito bem contra Uruguai e Paraguai e está cavando aos poucos uma vaga no mundial.

Odds acirram rivalidade entre Brasil e Alemanha

A arrancada brasileira também surtiu efeito nas casas de apostas. Se você não se lembra, a diferença entre as cotações brasileiras em alusão ao título do Mundial na Rússia para as alemãs era de R$ 3,00 há alguns meses, segundo o Bet365, mas isso já é passado. Os tetracampeões mundiais, que seguem passeando nas Eliminatórias Europeias, ocupando o primeiro lugar no Grupo C, continuam como os favoritos para ganhar a Copa. E isso acontece mesmo após as aposentadorias de Schweinsteiger e Podolski, dois ícones da equipe. Eles são cotados em R$ 6,00 para cada real investido, mas agora veem o Brasil bem perto, com odds de R$ 8,00. Isso mostra que confiança dos investidores no time pentacampeão voltou!

Jovens talentos colocam França no topo

A Alemanha pode até ocupar o posto de grande favorito na competição na Rússia, mas é a França que conta com jovens talentosos capazes de evoluírem e, talvez, darem mais uma taça mundial. Assim como os rivais alemães, os franceses comandam o Grupo A na Europa e não devem sofrer qualquer problema para assegurar uma posição em 2018. Com Antonio Griezmann, N’Golo Kanté, Pogba e Varane, os “Les Bleus” são cotados em R$ 8,00 pela corrida pelo título.

Argentina e Holanda em situação delicada

Enquanto algumas seleções estão em ritmo alucinante, outras precisam se mexer rapidamente se não quiserem ficar de fora da Copa na Rússia. A primeira delas é a Argentina, que desde a chegada de Edgardo Bauza não consegue render. A preocupação com a atual fase da equipe liderada por Messi é tanta que os hermanos podem ficar de fora do Mundial. Hoje, ocupam a quinta posição nas Eliminatórias Sul-Americanas com 22 pontos. Permanecendo assim, disputariam a repescagem com uma seleção da Oceania. No campo das apostas, a seleção albiceleste tem o título pagando R$ 11,00.

Outra tradicional equipe que inspira cuidados é a Holanda. É bem verdade que a Laranja Mecânica não venceu um Mundial sequer em sua história, mas o histórico de times bem montados sempre credencia os europeus como um dos favoritos. O problema é que a Holanda caiu num grupo bastante complicado nas Eliminatórias e tem penado até o momento. Hoje, é apenas a quarta colocada na chave francesa, que lidera. Somente o primeiro de cada grupo se classifica, sendo que o segundo – hoje a Suécia, três pontos à frente dos holandeses – disputa a repescagem. Faltando cinco jogos para o término do qualificatório, a equipe do astro Robben precisa encontrar um novo treinador, já que demitiu Dammy Blind depois da derrota para a Bulgária, para então pensar em Copa do Mundo. Em relação a uma possível conquista, ela é avaliada em incríveis R$ 41,00.

Confira os 15 favoritos para ser Campeão da Copa do Mundo:

Odds em 02 de abril, segundo o Bet365, para cada R$ 1,00 investido nas apostas futuras.

  • Alemanha - R$ 6,00
  • Brasil - R$ 8,00
  • França - R$ 8,00
  • Espanha - R$ 10,00
  • Argentina - R$ 11,00
  • Bélgica - R$ 17,00
  • Itália - R$ 17,00
  • Inglaterra - R$ 17,00
  • Portugal - R$ 26,00
  • Colômbia - R$ 26,00
  • Rússia - R$ 34,00
  • Holanda - R$ 41,00
  • Uruguai - R$ 41,00
  • Croácia - R$ 41,00
  • Chile - R$ 51,00

Comments