Melhores Sites De Apostas

Estoy aquí, Brasil: vocês vão dançar contra a Colômbia na terra da Shakira!

Que Brasil impressionante é este que só ganha da Colômbia no sufoco? 

Estoy aquí, quieréndote”, Brasil. Que história é essa de recorde, caro Matheus Filippi? Recorde? O de gols tomados em uma semifinal de Copa com o 7x1 eterno? Hahaha. Vamos relaxar. Você não merece tanta hostilidade, desculpas. Afinal, se os seus vão jogar em Barranquilla, terra da nossa deusa Shakira, é melhor sorrir e requebrar. E é bom que esteja com o molejo em dia, Matheus, porque este Brasil corre sério risco de dançar uma matinê daquelas bem chatas a partir das 17h30 (de Brasília) desta terça (5).

A inigualável inteligência argentina

Matheus, parabéns pela atual campanha do Brasil. É mesmo um espanto! O grande mérito deste time é o Tite ter bebido nas melhores fontes. Você sabe bem, querido amigo brasileiro, que o treinador de vocês só passou a ser este avião quando tirou um ano sabático e foi estudar...na Argentina. Isso mesmo. Foi respirar os bons ares de Buenos Aires e conversar com aqueles que mais entendem de futebol no mundo: nosotros. A gente mesmo. Os argentinos. Quem mais poderia ser?

Escolha a liga que quiser, Matheus, ou esta Eliminatória mesmo para perceber que a Argentina não tem apenas o maior craque do mundo, mas tem também as maiores inteligências à beira do campo. E de onde vem o técnico desta Colômbia que vai tirar o Brasil para dançar? Daqui mesmo. Afinal, é o “maestro” argentino José Pékerman que vai conduzir a seleção cafeteira para uma vitória que de improvável não tem nada. Basta ver o que paga o BetWay, Matheus. Como o Brasil é tão favorito se o triunfo colombiano rende R$ 2,95, contra R$ 2,41 do Brasil?! Que interessante! 2+4+1 = 7.

Opa. Desculpas, querido.

É claro que a referência argentina não será vista apenas no banco de reservas e na figura elegante e de QI elevadíssimo do maestro Pékerman, este gênio que só perdeu uma única partida em Copas do Mundo, aquele nefasto 2x1 para o Brasil na Copa de 2014, quando o time de Felipão parecia o Grêmio da Libertadores só ganhando na base da pancada. Onde foi parar o futebol arte do Brasil, Matheus?

Que domínio todo é este se o Brasil só ganha da Colômbia no sufoco? Teve este 2x1 na Copa, houve o 2x1 desta Eliminatória, o 1x0 do amistoso do Rio neste ano...

Cadê o timaço? Opa! Teve também um 1x0 na última Copa América, mas para a Colômbia. Recordista? Time de outro mundo?! Depois nós, argentinos, é que somos os mascarados do continente...

Uma Colômbia bem “cascuda”

Ah, a gente falava da ligação histórica entre a Argentina e esta Colômbia, Matheus, em como esses jogadores “cafeteiros” (ou você não sabia que a Colômbia tem os melhores cafés do mundo?) foram tomar também uns mates (chimarrão, para vocês) na Argentina, onde o atleta precisa ser mesmo corajoso de verdade para se destacar diante de zagueiros tão violentos e de torcidas que transformam a vida do rival em um inferno.

Os estrangeiros que jogam no Brasil cansam de dizer que as coisas por aí são mais relaxadas, Matheus. É claro que são. Tão relaxado que o Brasil ainda não aprendeu como se ganha uma Copa do Mundo em casa - e olha que desde 1950 teve tempo para aprender alguma coisa, não?

Veja só: o ataque da Colômbia nesta terça deve ter Téo Gutiérrez, campeão da Libertadores com o River Plate há dois anos; Falcão García, também cria da impressionante escola do River; James Rodríguez, revelado no Banfield, onde só quem tem canela grossa sobrevive, e o “novo Riquelme” Edwin Cardona, o “crackdona”. Em espanhol não pronunciamos este “k”, Matheus. Cuidem-se com o “Crádona”. É “Crádona”. Não Cardona.

E quer um exemplo mais argentino de como essa partida deve ser favorável aos colombianos, Matheus? Enquanto vocês ficam com este papo de recorde, de show, de “jogo bonito”, nós precisamos “ganhar sim ou sim”. Precisamos desses três pontos para ir à Copa. Vocês já estão lá, não fizeram mais que obrigação. Não são vocês que foram a todas? Qual o mérito desta classificação?

Resta saber se agora, na hora decisiva, com as outras seleções mordendo os seus calcanhares, se Neymar e seus colegas vão dar conta do recado ou se vão ser presa fácil para o nosso bailado.

Não esqueça, Matheus: Brasil? “Estamos aquí, quieréndote...”

Jogo da 16ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa 2018

Terça-feira, 5 de setembro

Odds em 4 de setembro, segundo o BetWay

  • 17:30 – (R$ 2,95) Colômbia x Brasil (R$ 2,41); empate (R$ 3,18) – Palpite: Colômbia (“Se quiere?! Se mata!”, como cantava outra da Shakira...)

Comments