Melhores Sites De Apostas

A laranja caiu do pé: a Holanda não é párea para a França nesta quinta pelas Eliminatórias

O pior já passou – e o melhor para a França vem logo nesta quinta (31) contra a Holanda às 15h45 (de Brasília)

Calma, calma, não “priemos cânico”, já dizia um personagem mexicano - mas ele bem que poderia ser francês. Houve alarde com a possível crise francesa nas Eliminatórias para a Copa do Mundo do ano que vem, mas os alardes são assim: ladram e não mordem.

É claro que a França vai disputar a Copa do Mundo da Rússia e até mesmo brigar pelo título, como brigou em 2006 e também em 2014, quando foi a seleção que mais ofereceu resistência à campeã Alemanha.

A derrota na última partida para a Suécia já foi esquecida. Já passou. “Marchem e marchem”, como canta a Marselhesa, o inigualável hino nacional francês.

O trio de ouro em campo

A Holanda pode escalar quem quiser. Independentemente do que proclame meu colega Matheus Filippi aqui no Oddsshark, a situação é tão crítica que até ressuscitaram o Van Persie, que não defendia a seleção há dois anos. Pobres. Daqui a pouco chamam o Cruyff e o Van Basten (e o Ruud Gullit sem a cabeleira, já imaginou?). São tão inconstantes que não têm uma renovação como a França. O jogo das 15h45 (de Brasília) desta quinta (31) ocorre no Stade de France, um palco tradicional e já preparado para reverenciar as três novas jóias do futebol gaulês - Griezmann, Pogba e Kanté. No banco de reservas, alguém que sabe bem o que é vencer – Didier Deschamps, o campeão mundial de 1998, algo que o holandês Dick Advocaat, outro ultrapassado, jamais sequer passou perto.

Sejamos sinceros: a Holanda é uma decepção. Não dá para levar a sério uma seleção que se denomina máquina – só se for máquina de perder, como mostraram os vices em 1974, 1978, 2010 e, mais recentemente, a ausência na Eurocopa do ano passado. Estava tão fácil de se classificar que foi até a primeira edição do torneio com 24 países, e entre eles não estavam os Laranjas – que no Brasil tem o significado de algo meio bobo, fora de tom (ou até de coisas piores, né?) - e é o caso no futebol.

Futebol. Tudo é momento, já dizia o “profexô” Vanderlei Luxemburgo - que de tão “sábio” e estagnado no passado deveria ser o holandês Van Der Lei: a Holanda vem de ganhar (justamente de quem?) de Luxemburgo por 5x0 na última rodada, em junho, enquanto a França perdeu para a Suécia por 2x1. A Suécia é a líder do grupo, mas vai precisar conter o crescimento da França e da Holanda, que brigam justamente para decidir quem vai oferecer maior resistência aos suecos. A França tem até um brasileiro para se inspirar: Neymar, a grande estrela do PSG, que aos poucos vai contagiando o futebol azul com a histórica magia brasileira com a bola no pé.

A Holanda tanto está em desvantagem que basta lembrar o que ocorreu na partida de ida em Amsterdã, em outubro – o 1x0 para a França, gol de Pogba aos 30 do primeiro tempo, foi um reflexo de uma partida sempre controlada e que não teve ameaça dos “Laranjas” em momento algum.

Se tiveram medo e não criaram coragem em casa, é bem provável que fora de seu país a postura seja ainda mais conservadora. Vão jogar para empatar. Se bem que uma das frases mais comuns do futebol talvez tenha sido criada na Holanda, de tão bem que representa o país:

Eles jogam como nunca. E perdem como sempre.

E agora, Matheus? Onde vão parar seus argumentos?

Palpite

Quem desconsiderar as chances da França nesta quinta vai rasgar os livros de história do futebol. Basta ver que uma seleção já é campeã do mundo, caso da França, e a outra é uma eterna postulante que se acha mais do que é. Parecem os argentinos, que não ganham nada importante há quase 30 anos. Bem, eles ganharam. A Holanda, nem isso.

A França é extremamente favorita. Segundo o Bet365, o triunfo azul rende R$ 1,57 a cada R$ 1,00 investido, enquanto a Laranja devolve R$ 7,00/R$ 1,00. Convém olhar também para o empate, possibilidade sempre factível nas partidas entre grandes seleções pelas Eliminatórias: R$ 4,00/R$ 1,00.

Mas não vai ter empate amanhã. O agosto vai terminar em desgosto para a Holanda, que vai virar uma laranjada bem amarga: 2x1 para a França, placar que rende R$ 8,50/R$ 1,00!

Jogo da 7ª rodada das Eliminatórias Européias

Quinta-feira, 31 de agosto

Odds em 30 de agosto, segundo o Bet365

  • 15:45 – França (R$ 1,57) x Holanda (R$ 7,00); empate (R$ 4,00) - Palpite: França (claro!)

Comments