Melhores Sites De Apostas

Palmeiras Leva Virada em Minas e Corinthians faz Dever de Casa no Itaquerão

Líder isolado do Brasileirão, o Palmeiras tinha uma chance de ouro disparar ainda mais na frente da tabela nesse sábado (25). Mas, para isso, a equipe comandada pelo técnico Cuca teria que ir a Minas Gerais e passar pelo Cruzeiro, que, apesar de estar na metade de baixo da classificação, vinha de uma expressiva goleada de 4 a o diante da Ponte Preta em Campinas na última rodada. E não deu para Gabriel Jesus e companhia.

A tarefa não era das mais fáceis para o Verdão, tanto é que, mesmo sendo o líder do campeonato, sem perder há seis rodadas e vindo de duas vitórias seguidas, o Palmeiras não era o favorito nas casas de apostas. De acordo com o site ‘OddsPortal.com’, o Cruzeiro estava levando a melhor na preferência dos apostadores com 2.21 (ou seja, a cada 1 dólar apostado, o sujeito leva para casa $ 2,21). O empate ficou com 3.33 e o triunfo da equipe paulista tinha 3.28 das probabilidades.

Mas os apostadores pareciam que iriam se dar mal quando logo aos 10 minutos de jogo Dudu aproveitou a bobeira dada pelo zagueiro Bruno Rodrigues, roubou a bola, levou para a linha de fundo e tocou para trás. O menino Gabriel Jesus chegou batendo de primeira, com classe, no contrapé de Fábio para abrir o placar. Foi o sétimo gol do camisa 33 do Palmeiras, que agora já atinge a vice artilharia da competição e mostra dia após dia que os interesses de clubes estrangeiros fazem sentido. Mesmo aos 19 anos, o atacante já é peça chave do Verdão e tem tudo para ter um futuro brilhante pela frente.

Mas a resposta cruzeirense veio de maneira rápida e aproveitando uma falha do sistema defensivo do Palmeiras. Pela esquerda, Bryan levantou na área, Arrascaeta deu um leve desvio e a bola sobrou limpa para William, que deixou Fabiano e Róger Guedes para trás e apenas empurrou para o fundo do gol. O empate fez com que a equipe mineira passasse a tomar conta do jogo e acuasse os paulistas, que apostavam no contra-ataque.

Acontece que o Palmeiras que jogou em Minas Gerais parecia completamente diferente do que vinha dando show no Allianz Parque. Na segunda etapa, logo aos 2 minutos William novamente fez o da virada. Atrás no marcador, Cuca retirou o pensador Cleiton Xavier para colocar o contestado Luan. A mexida não deu certo e o Verdão amargou uma derrota justa para uma equipe que ainda não tinha conseguido sequer uma vitória dentro de casa no Brasileirão. A liderança da competição só não foi perdida por conta do tropeço do Internacional.

O Palmeiras (1.39) agora volta a ter o favoritismo em suas mãos e atua na quinta-feira, quando encara o Figueirense jogando dentro de casa, onde mantém 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. Já o Cruzeiro (2.61) vai a Chapecó para encarar a Chapecoense (2.79), que vem de um péssimo resultado diante do Sport, quando perdeu por 5 a 1 em Recife.

Corinthians faz o dever na primeira de Cristóvão Buarque em casa

O outro jogo do sábado teve como principal atrativo a primeira atuação do técnico Cristóvão Buarque com o Corinthians na arena em Itaquera.  E o resultado foi positivo. Amplo favorito nas casas de apostas diante de um Santa Cruz que se vencesse pagaria mais se sete vezes o valor investido pelo apostador, o Timão acabou levando a melhor por 2 a 1 e voltou ao G-4, agora com 19 pontos e a quarta colocação empatado com o Santos, mas perdendo no saldo de gols.

Luciano, que não balançava as redes desde agosto de 2015, finalmente desencantou e foi o autor do primeiro gol alvinegro. Romero, que vinha sendo preterido pelo técnico Tite, ganhou chance entre os titulares e não desperdiçou ao marcar o segundo gol. Foi possível ver a mão do novo treinador ao observar Giovanni Augusto na armação e Marquinhos Gabriel solto pelos lados, o que deu mais opções e oportunidades de gols aos donos da casa.

O lado negativo para o Corinthians ficou por conta da falha grotesca de Cássio, que realmente não atravessa grande fase na meta corintiana. Ele errou o domínio da bola e entregou de presente para Grafite diminuir logo no início da etapa final. Sorte para o Timão – e principalmente para Cássio – que o placar não se alterou até o fim dos 90 minutos.

O resultado foi péssimo para o Santa Cruz (2.14), que agora ocupa a zona de rebaixamento e terá pela frente a Ponte Preta (3.51) em casa. Já o Corinthians (2.05) vai a Minas enfrentar o lanterinha América Mineiro (3.78).

Comments