Melhores Sites De Apostas

Série B: 22ª rodada termina com lucro mínimo de 93%

Três empates, três vitórias de times jogando em casa e quatro vitórias de clubes visitantes. A Série B fechou na noite desta terça (30) sua 22ª rodada de um total de 38. E os dez novos jogos ofereceram excelentes lucros aos apostadores.

Prova de como a rodada foi rentável, a menor cotação registrada pelas estatísticas do Oddsshark.com/br acabou sendo de R$ 1,93 a cada R$ 1,00 investido - nada menos de 93% sobre o valor apostado.

Duas partidas registraram este valor. A primeira delas foi o dramático Paraná 1x0 Sampaio Correia. O tricolor paranaense não vencia há sete jogos, e só alcançou os três pontos na noite desta terça (30) em Curitiba com um gol nos acréscimos do segundo tempo.

A cotação de R$ 1,93 se justifica também pela posição de cada um na tabela. O Sampaio Correia é o lanterna, com 14 pontos, 7 atrás do penúltimo. O Paraná agora é o 13º e também briga para não cair para a Série C de 2017.

O outro jogo da terça que rendeu R$ 1,93 a cada R$ 1,00 investido foi o CRB 3x1 Oeste. O CRB foi o porto seguro dos apostadores nesta 22ª rodada. Jogando em casa, resolveu a situação muito rapidamente e chegou a abrir 3x0. O Oeste fez o gol de honra só aos 40 minutos do segundo tempo. O CRB é o terceiro e pinta como forte candidato a uma vaga na Série A em 2017. O Oeste ocupa só a 12ª colocação.

Mais uma para Claudinei

Outra partida de lucro perto dos R$ 2,00 foi Avaí 2x1 Luverdense. Rendeu R$ 1,96 a cada R$ 1,00 apostado. Jogando em casa e contando com a estreia do técnico Claudinei Oliveira, o Avaí venceu com dois gols de Rômulo. Claudinei confirmou sua fama de pé quente: vence sempre quando estreia nas Séries A ou B. Ele já passou por Santos, Goiás e Atlético Paranaense.

Em outro jogo, dois times que estiveram perto da glória na Série A, Bragantino e Brasil de Pelotas, fizeram na noite de terça o duelo menos lucrativo entre as vitórias dos visitantes.

Vice-campeão do Brasileiro de 1991, o Bragantino levou 2x0 do Brasil de Pelotas, que esteve perto da final do principal campeonato do país em 1985. A vitória dos gaúchos rendeu R$ 2,51 a cada R$ 1,00 apostado. O Brasil de Pelotas está em quinto e dá sinais a cada jogo de que é forte favorito a também ascender de categoria na temporada que vem. O Bragantino vive situação totalmente oposta. É o vice-lanterna e está desesperado na briga pelo rebaixamento.

Simplesmente o triplo

Três outros jogos terminaram empatados e geraram ganhos pouco acima dos R$ 3,00. Joinville e Bahia ficaram no 1x1 e renderam R$ 3,04 a cada R$ 1,00 investido. O Bahia saiu na frente, mas levou o empate no finalzinho do primeiro tempo e o resultado persistiu até o fim na cidade catarinense.

Os times de Goiás geraram resultados e lucros parecidos. Atlético Goianiense e Ceará ficaram no 2x2 no Serra Dourada na noite de segunda. Pagaram R$ 3,14 a cada R$ 1,00 apostado. No mesmo estádio, na noite de terça, o Goiás não passou do 1x1 contra o Criciúma, rendendo R$ 3,25 aos apostadores que cravaram esta opção.

Times de passados gloriosos no futebol brasileiro e continental - ambos já disputaram, por exemplo, a Libertadores da América -, Goiás e Criciúma vivem uma difícil Série B. O Goiás é só o 16º e corre grande risco de cair para a Série C. O Criciúma não chega a tanto. É o nono.

Gol fora, cotação alta
Os três resultados mais lucrativos da 22ª rodada vieram, como de costume, com vitórias fora de casa. O Náutico levou 2x0 do Londrina em plena Arena de Pernambuco, resultado que pagou R$ 4,43 a cada R$ 1,00 investido, segundo as estatísticas do Oddsshark.com/br.

O líder Vasco merece um parágrafo à parte. Vivendo o pior momento da temporada, o clube da Cruz de Malta levou dois gols em 20 minutos e perdeu em casa para o Vila Nova por 2x1. O resultado pagou excelentes R$ 4,69 a cada R$ 1,00. Foi a quinta partida seguida sem vitórias para o Vasco, que continua na liderança da Série B. O Vila Nova agora é o décimo colocado. E, surpresa, é o melhor time de Goiás na competição.

O resultado mais lucrativo da rodada foi Paysandu 0x3 Tupi, gerando R$ 6,42 a cada R$ 1,00 apostado. O Paysandu também amarga fase crítica. É o 15º, enquanto o Tupi é o 17º.

Comments