Melhores Sites De Apostas

Vitória brasileira sobre a Bolívia é a barbada das Eliminatórias Sul-Americanas

Gabriel Jesus Selecao Brasileira

Técnico Tite tenta confirmar boa fase à frente da seleção diante da Bolívia, em Natal (RN)

O início da era Tite, há pouco mais de um mês à frente da Seleção Brasileira, não poderia ter sido melhor. Duas vitórias sobre adversários considerados encardidos. O primeiro, o Equador, na altitude de Quito, seguido pela Colômbia, em jogo eletrizante em Manaus (AM). Passada a incerteza de uma possível não ida para a Copa do Mundo da Rússia 2018 até o alcance à vice-liderança (15 pontos) das Eliminatórias Sul-Americanas, o Brasil busca confirmar a mudança de postura e boa fase nesta quinta-feira (6), contra a Bolívia, às 21h45, em Natal (RN).

Sem Marcelo e Casemiro, do Real Madrid, que estão contundidos, e Paulinho, suspenso, a equipe canarinho espera manter o mesmo ritmo de setembro com os substitutos Filipe Luís, Fernandinho e Giuliano. Outra mudança, esta por questão técnica, é a entrada de Philippe Coutinho, do Liverpool, no meio de campo, no lugar de Willian, do Chelsea.

Com Neymar e Gabriel Jesus garantidos no ataque, o Brasil espera vencer a Bolívia, do goleador Marcelo Moreno, para continuar na segunda posição da tabela. Isso porque o Uruguai (R$ 1,30), da dupla Cavani, artilheiro da competição com cinco gols, e Suárez, não deve perder pontos em Montevideo para a Venezuela (R$ 13,00) e tem tudo para se sustentar na ponta. Atualmente, os uruguaios possuem 16 pontos, enquanto os venezuelanos ocupam a lanterna, com apenas dois pontos.

Ainda entre os investidores, Brasil e Bolívia é o jogo considerado mais desnivelado. A razão disso é o amplo favoritismo dado à seleção pentacampeã mundial, que tem vitória cotada em R$ 1,11. A barbada renderá 11% de lucro aos apostadores. Quem for além e apostar no placar exato, como por exemplo 3 a 0 para a seleção verde-amarela, tem cotação de R$ 6,00. Gol de honra dos bolivianos, ainda com o placar de 3 a 1, triplica os ganhos, pagando R$ 12,00 para cada real, o que não é nada mau. Já quem considerar uma zebra na Arena das Dunas, os três pontos dos visitantes estão avaliados em incríveis R$ 26,00, sendo a maior cotação da nona rodada. Empate, que não deixa de ser um resultado atípico, paga R$ 11,00.

Em Lima (PER), a Argentina enfrenta o Peru sem o seu principal jogador, o craque Lionel Messi, do Barcelona. Apesar da ausência de seu capitão por causa de uma lesão na perna direita, o técnico Edgardo Bauza acredita numa vitória albiceleste, que atualmente está em terceiro na classificação, empatada com o Brasil no número de pontos, mas perdendo no saldo de gols, para ficar cada vez mais próxima do Mundial. Di Maria, Aguero e Higuaín serão os responsáveis pelo setor ofensivo, que está devendo no torneio, uma vez que anotou apenas nove gols. Países como Equador (5º) e Chile (7º), por exemplo, fizeram mais gols – 13 cada equipe - que os Hermanos.

Pelo lado do time da casa, o técnico Ricardo Gareca tentará surpreender seu país natal e vê o embate como chave para suas pretensões no torneio. Penúltimo colocado na tabela com sete pontos, o Peru tem que ganhar a partida se quiser brigar por uma vaga na próxima Copa do Mundo. Por isso, os peruanos devem partir para cima e terão Paolo Guerrero, maior artilheiro da história do país, como principal arma. Caso o Peru bata a Argentina, os apostadores que fizeram a escolha terão rendimento de R$ 4,50. Já a seleção albiceleste, favorita no confronto, é avaliada em R$ 1,85, com 85% de lucro. Igualdade no placar, considerada de risco médio, paga R$ 3,75.

Outro jogo que chama à atenção é entre Equador e Chile, em Quito. Os chilenos, bicampeões da Copa América (2015 e 2016), estão com a “corda no pescoço” e precisam de uma reação para “ontem” se quiserem carimbar o passaporte para a Rússia. Atualmente, a Roja é a sétima colocada com 11 pontos, dois a menos que a Colômbia, quarta colocada e que até o momento está com a vaga assegurada para a próxima Copa.

Para o embate, o treinador chileno Juan Antonio Pizzi terá o retorno do capitão e goleiro Claudio Bravo, ausente nas últimas rodadas por problemas particulares, e de Jorge Valdivia, ex-jogador do Palmeiras, que volta a defender as cores de seu país após um ano. Os rápidos Alexis Sánchez e Eduardo Vargas estão confirmados no ataque.

Quem investir no Chile e acertar terá rendimento de R$ 3,40, sendo R$ 2,40 de lucro. Uma aposta de R$ 100, por exemplo, paga R$ 340. Já os equatorianos, que necessitam fazer valer o mando de campo com as estrelas Enner Valencia e Felipe Caicedo, têm os três pontos avaliados em R$ 2,25 para cada real, o que mostra todo o seu favoritismo revelado pelos investidores. Empate tem a cotação mais alta da partida, em R$ 3,50.

Confira todos os jogos, horários e cotações da 9ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo da Rússia 2018:
  • 06/10: 18h – Equador (R$ 2,25) x Chile (R$ 3,40); empate (R$ 3,50)
  • 06/10: 20h – Uruguai (R$ 1,30) x Venezuela (R$ 13,00); empate (R$ 5,50)
  • 06/10: 21h30 – Paraguai (R$ 2,90) x Colômbia (R$ 2,70); empate (R$ 3,20)
  • 06/10: 21h45 – Brasil (R$ 1,11) x Bolívia (R$ 26,00); empate (R$ 11,00)
  • 06/10: 23h15 – Peru (R$ 4,50) x Argentina (R$ 1,85); empate (R$ 3,75)

 

Comments