Melhores Sites De Apostas

Duelo cesta a cesta

Flamengo leva a melhor sobre o Bauru na primeira partida do playoff final, mas título da NBB ainda está em aberto

As finais da Liga Nacional de Basquete do Brasil (NBB) prometem um confronto duríssimo até a última partida. Pelo menos foi essa tônica do primeiro jogo em que o Flamengo venceu o Bauru por 83 a 77, no último sábado, no ginásio Neusa Galleti, em Marília, interior paulista. Os dois times voltam a se enfrentar nesta quinta-feira no Rio de Janeiro em um cenário muito especial: a Arena Carioca 2, um dos palcos dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. O terceiro jogo também será no Rio. Se forem necessários, o quarto jogo será em Marília e o quinto, novamente na casa do Flamengo.

Apesar do equilíbrio na partida, que se refletiu no placar, com vitória apertada do Flamengo, a equipe carioca é favorita a vencer o confronto. Afinal, terminou a temporada regular em primeiro lugar e tem um histórico impressionante na NBB: já são quatro títulos em sete edições da liga de baquete brasileira. Nas quartas de final, passoufacilmente pelo Rio Claro, fazendo 3 a 0. Nas semifinais, pegou um adversário mais forte, o Mogi, e teve mais trabalho, mas terminou a série de jogos marcando 3 a 2. É favorito também nas apostas dos torcedores, especialmente porque o rubro-negro carioca é o time com maior número de torcedores no país.

O Bauru, por sua vez, tem totais condições de reverter esse favoritismo e conquistar seu primeiro título da NBB. Foi o segundo colocado na temporada regular, com um time consistente e competitivo. Nas quartas de final, ganhou a série contra o Pinheiros por 3 a 1. Já nas semifinais, não tomou conhecimento do Brasília e impôs 3 a 0 na série, ganhando um dos jogos por uma diferença de 20 pontos.

Desfalcado do americano James Robinson, que precisou voltar aos Estados Unidos para ficar ao lado da mulher, que teve problemas na reta final da gravidez, o Flamengo tem como destaque a força de um elenco bastante experiente, com destaque para Olivinha, Marcelinho e JP Batista, todos com passagens pela seleção nacional. E foi esse conjunto que garantiu a vitória no primeiro jogo dos playoffs finais. Se ganhar os dois próximos, que acontecem no Rio, o rubro-negro fatura o quinto título em oito edições da NBB. Já o Bauru atuou completo – exceto pela ausência de Ricardo Fischer, afastado desde março devido a problema no joelho direito -, mas com o pivô Murilo ainda sentido uma lesão no tornozelo sofrida em treinamento durante a semana passada. A estrela da equipe é o pivô Rafael Hettsheimeir, muito forte no garrafão. Se conseguir reverter a vantagem do Flamengo e vencer três partidas, a equipe paulista levantará pela primeira vez a taça de campeão brasileiro.

O jogo de sábado foi equilibrado desde o início. Depois de encarar uma desgastante série de cinco partidas na semifinal contra o Mogi, o Flamengo não pareceu ter sentido o cansaço. O bom preparo físico do elenco foi fundamental para a arrancada da equipe no último quarto. O técnico José Neto, assistente do argentino Rubens Mangnano, treinador da Seleção Brasileira, soube fazer um rodízio constante entre os jogadores da quadra e do banco de reservas. Olivinha, Marquinhos, Rafael Mineiro e o dominicano Ronald Ramón anotaram 62 pontos. Outro destaque foi o veterano Marcelinho, que mostrou sangue frio e qualidade nas assistências e nos arremessos de três pontos e lances livres.

Pelo lado do Bauru, comandado pelo técnico Demétrius Ferraciú, os 11 dias sem jogos depois da vitória por 3 a 0 sobre o Brasília nas semifinais não se traduziram em falta de ritmo. Pelo contrário. O time começou acelerado, cometendo poucos erros e com muitas variações táticas. Se na armação contou com a velocidade e habilidade de Alex, Léo Meindl e do armador Paulinho Boracini, dentro do garrafão a força física de Rafael Hettsheimer, que foi o cestinha da partida com 25 pontos, deu muito trabalho à defesa adversária. O ala-pivô Jefferson também teve grande atuação, com 24 pontos, sendo metade em cestas de longa distância.

Diante da derrota na estreia no playoff decisivo, resta aos jogadores do Bauru mostrar fora de casa por que a equipe acumulou campeonatos e chegou duas vezes consecutivas à final da Liga das Américas. Já o time de basquete do Flamengo, apelidado por sua fanática torcida de ‘Orgulho da Nação’, deu um passo importante para manter a hegemonia de títulos na NBB. Quem levará a melhor, não se sabe. A única garantia é de muita emoção, lance a lance.

Comments