Melhores Sites De Apostas

Saiba o passo a passo para apostar nas corridas de cavalos

Você não precisa entender de turfe para ganhar muito dinheiro em uma das modalidades mais lucrativas do mercado.

Vai ser dada a largada! Quem nunca ouviu esse bordão? Equivoca-se que imagina que estamos reproduzindo uma frase de algum locutor de automobilismo. Estamos falando do turfe, um dos esportes mais antigos que seguem em atividade, quando seu surgimento se deu, na Inglaterra, no século 17. No Brasil, as corridas de cavalos chegaram cerca de 200 anos depois e ainda são muito populares aqui, onde os principais hipódromos do País estão localizados no Rio de Janeiro e em São Paulo. Quem é fã do icônico romancista e poeta Charles Bukowski já construiu no imaginário um pouco desse mundo.

COMO FAZ PARA APOSTAR PELA PRIMEIRA VEZ NAS CORRIDAS DE CAVALOS?

Em primeiro lugar, é preciso se ambientar com os termos e as principais regras do negócio. Para isso, o passo número um é escolher a modalidade de investimento. Em termos gerais, são três:

WIN – quando é feita a seleção direta no cavalo que o apostador confia que será o vitorioso;

PLACE (ou Placê) – o investidor ganhar se o cavalo chegar em primeiro ou no segundo lugar;

Each-Way (E/W) – trata-se de uma aposta conjuntas – no WIN e no PLACE. Vamos exemplificar uma situação: a aplicação de R$ 2 no E/W garante que metade do valor seja considerado para uma das duas posições. Logo, se o cavalo escolhido vencer o páreo, o retorno será de um R$ 1 em cima da cotação do WIN – o mesmo vale se der PLACE.

Outro detalhe interessante é que existem situações variantes com relação ao número de participantes em uma determinada corrida:

Corridas de cavalo sem Handicap:
  • De 2 a 4 cavalos: ganha só o 1º colocado;
  • De 5 a 7 cavalos: 1º e 2º classificados (W/P);
  • Com 8 ou mais cavalos: do 1º ao 3º, ganha-se também no PLACE.
Corridas de cavalo com Handicap:
  • De 2 a 4 cavalos: só 1º lugar (Place’s ou EW inexistentes);
  • De 5 a 7 cavalos: 1º e 2º classificados (W/P);
  • 8 a 15 cavalos: do 1º ao 3º, ganha-se também no PLACE;
  • 16 ou mais cavalos: do 1º ao 4º, ganha-se também no PLACE.

GLOSSÁRIO DAS CORRIDAS DE CAVALOS

Primeiro, vamos falar sobre os tipos de corrida. As principais são a Flat e Jump. Confira:

FLAT

São páreos sem obstáculos, quando o objetivo é conhecer o cavalo mais rápido. Ela é disputada tanto em circuito como em linha reta. A partir do tiro de largada, os cavalos saem de compartimentos mais parecidos com jaulas, que abrem simultaneamente e são chamadas de gates.

Subtipos: Turf e AW

Turf: corridas em terreno relvado, geralmente acontecem nos meses quentes;

AW (All-Weather): provas que acontecem em piso de terra, areia ou sintético durante o ano todo, inclusive em condições de temperatura adversas.

JUMP

Como o próprio nome sugere (salto, em inglês), os páreos com obstáculos privilegiam a técnica de e a resistência dos cavalos, ainda mais por se tratar de circuitos mais longos. A principal época de disputa é entre o outono e inverno.

Subtipos: Hurdle, Chase e XC

Hurdle: corridas com saltos com nível de dificuldade menor, sendo os menos propícios a quedas, uma vez que é muito comum a barreira ceder e o cavalo não cair;

Chase: denominadas de “Fences”, barreiras mais altas e consistentes, é uma modalidade em que o cavalo cai se não transpor o obstáculo;

XC: são disputas menos usais e que o apostador não terá muitas opções durante o ano. O que a diferencia das demais é o fato de contar com um mix de barreiras, que variam de relevos de terreno, declives, barreiras de madeira, arbustos, entre outros.

UNIDADES DE MEDIDA

No turfe, a unidade métrica usada para calcular a distância das corridas é o “furlong” (201,16 metros). Acima de oito furlongs, a medição passa para milhas (1 milha corresponde a 1,6 km). Você pode se deparar, também, com divisões por “yards” (jarda) – 0,90 metros. São utilizadas apenas quando a extensão do circuito não tem um número redondo.

OUTROS TERMOS FREQUENTEMENTE MENCIONADOS NO TURFE

  • Group 1, Group 2 e Group 3: são as provas mais nobres do Reino Unido;
  • Conditions Stakes: Corridas para as quais o peso é determinado pela idade e sexo do cavalo;
  • Maiden: prova para cavalos iniciantes;
  • Novice: apostas em cavalos com dois ou três anos de idade que não ganharam mais de duas vezes;
  • Seller: quando o vencedor é oferecido para leilão;
  • Amateurs: jockeys amadores;
  • Handicaps: Corridas onde o peso transportado pelo cavalo é determinado pela classificação oficial.

O Bet365 oferece um vasto cardápio diário de apostas nas corridas de cavalos. Até o momento, não temos as disputas nacionais - as principais corridas são do Reino Unido e dos Estados Unidos.

Comments