Melhores Sites De Apostas

Barnett leva UFC na Alemanha e paga 66% de lucro

Na luta principal do UFC Alemanha, o americano Josh Barnett levou a melhor e derrotou com um estrangulamento o bielorusso Andrei Alovski. O triunfo garantiu 66% de lucro para os investidores, de acordo com estatísticas do Oddsshark.com/br. Nas demais lutas do Card Principal, os retornos foram de 16%, 33% e 57%, enquanto no Card Preliminar duas lutas pagaram o dobro do valor investido.

Fechando a noite, Andrei Arlovski e Josh Barnett fizeram um confronto equilibrado. Os dois demonstraram superioridade em algum momento da luta e chegaram a ter chances de vencer antes, mas Barnett acabou levando a melhor no terceiro round. Com o triunfo, o americano chegou à 35ª vitória na carreira, enquanto Arlovski conheceu sua terceira derrota consecutiva. O resultado rendeu R$ 1,66 para cada real investido.

A luta começou com Barnett acertando forte os ataques e balançando o adversário, que também reagia. O ritmo só reduziu um pouco no segundo assalto, quando os dois lutadores fizeram um combate amarrado e evitavam se arriscar. Porém, no terceiro, quando estavam visivelmente cansados, a luta se abriu, com direito a trocação, até que Barnett foi para montada e conseguiu encaixar o estrangulamento que lhe rendeu a vitória. Com o combate terminado sem precisar de quarto round, os jogadores faturaram R$ 1,34 nesse investimento.

Gustafsson leva susto, mas vence

Grande favorito da noite, Alexander Gustafsson fez valer o investimento e conseguiu a vitória diante de Jan Blachowicz. Seu triunfo rendeu R$ 1,16 para cada real, mas o fato de ter ido ao terceiro round gerou R$ 2,10 para quem fez esse investimento.

Porém, a luta não foi tão fácil. Blachowicz conseguiu acertar a estratégia e chegou a ameaçar Gustafsson com ataques perigosos. O sueco só conseguiu impor melhor sua superioridade já no terceiro assalto, quando acertou duas boas direitas no rosto do adversário. Depois conseguiu impor algumas quedas e passou a administrar o combate com tranquilidade, não sendo mais ameaçado por Blachowicz.  Com o triunfo por decisão unânime (triplo 30-27), pelo peso-meio-pesado, ele voltou a vencer depois de cerca de dois anos e meio. Nesse tempo, foi derrotado para Anthony Johnson e Daniel Cormier. Já o polonês perdeu pela terceira vez nas últimas quatro lutas.

Bader vence Latifi por nocaute

Se as lutas anteriores do dia foram mornas, o combate entre Ryan Bader e Ilir Latifi agitou a noite. Logo no primeiro round, Latifi foi para cima e já levava vantagem na trocação, quando estourando o tempo conseguiu derrubar o americano. Sabendo que foi derrotado no round anterior, Bader foi para o ataque no segundo assalto e conseguiu dar o troco de forma espetacular. O Americano acertou uma bela joelhada e derrotou o adversário com 2 minutos do segundo round. O triunfo pagou R$ 1,57 por cada real, enquanto o investimento que a luta não chegaria ao terceiro round deu R$ 1,80. Com a derrota, Latifi teve sua sequência de três vitórias seguidas interrompida. Já Bader, que se recuperou do revés da última luta, chegou a sétima vitória nas últimas oito lutas.

Nick Hein vence

Abrindo o Card Principal, o alemão Nick Hein derrotou o sul-coreano Tae Hyun Bang em uma luta fraca e que não empolgou. A vitória, que pagou R$ 1,33 por cada real, só saiu na decisão por pontos, de forma unânime, e em favor do lutador da casa (29-28, 30-28 e 30-27). Foi seu quarto triunfo nas suas últimas cinco lutas. Já seu adversário amarga a terceira derrota nesse mesmo período. Quem investiu que a luta chegaria ao terceiro round pôde comemorar ainda mais, com retorno de R$ 1,53.

CARD PRELIMINAR

Nas primeiras lutas do dia, os destaques foram para as vitórias de Jessin Ayari e Peter Sobotta que renderam mais que o dobro do valor investido. O primeiro superou Jim Wallhead por decisão dividida (29-28, 28-29 e 30-27) e pagou R$ 2,10 por cada real. Já Sobotta derrotou Nicolas Dalby por decisão unânime (triplo 30-26) e garantiu R$ 2,40 para os investidores.

Demais lutas do dia
  • Ashlee Evans-Smith venceu Veronica Macedo por nocaute técnico aos 2m46s do terceiro round e pagou R$ 1,40.
  • Taylor Lapilus derrotou Leandro Issa por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28) e rendeu R$ 1,62.
  • Jarjis Danho e Christian Colombo terminou em empate majoritário (27-29, 28-28 e 28-28). A vitória de Danho pagaria R$ 1.80, enquanto o triunfo de Colombo daria R$ 2,00.
  • Jack Hermansson venceu Scott Askham por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28) e deu R$ 1,90.
  • Rustam Khabilov superou Leandro Buscapé por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27) e pagou R$ 1,22.

Comments