Melhores Sites De Apostas
*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Final do Paulistão 2020, jogo 2: odds colocam Palmeiras como favorito ao título contra o Corinthians; entenda

Primeira partida da decisão estadual terminou empatada sem gols, quando tanto o Verdão como o Timão judiaram da bola

A espera está perto do fim. Neste sábado (08), vamos conhecer o campeão paulista de 2020. Palmeiras ou Corinthians? A partir das 16h (horário de Brasília), rola a bola na luta dos arquirrivais pelo título. O Timão busca o tetra, enquanto o Verdão vai atrás de uma taça que não ergue desde 2008. E tem revanche à vista.

Melhor palpite: vitória do Palmeiras (R$ 2,00), que vale o título paulista pra cima do Corinthians com odds do SpinSports.

Os Melhores Sites de Apostas

Final do Paulistão 2020 – Jogo 2: (R$ 2,00) Palmeiras x Corinthians (R$ 3,50)

Em uma grande rivalidade como Palmeiras e Corinthians, o espetáculo acaba valendo menos que o resultado – meio a zero basta. E foi exatamente o que se deu no primeiro duelo da final do Campeonato Paulista, disputado na última quarta-feira (05), no Itaquerão, quando tanto Cássio como Weverton não tiveram suas metas vazadas. Um jogo feio, de pouca inspiração, muita briga no meio de campo e poucos momentos de bom futebol. O panorama não deve ser muito diferente no confronto e volta, mas as equipes precisarão se soltar mais.

Odds regulares do SpinSports:

(R$ 2,00) Palmeiras x Corinthians (R$ 3,50); empate (R$ 3,10)

Palmeiras (R$ 2,00): favorito à vitória e ao título paulista de 2020

O nosso palpite vai de encontro ao fim do incômodo jejum do Palmeiras no Campeonato Paulista. Da última vez que o torcedor viu o time com a taça do estadual, em 2008, o técnico do Verdão era justamente Vanderlei Luxemburgo. Se superstição importa, fica a dica na aposta. Na comparação entre os elencos, o Alviverde conta com mais opções de qualidade.

Aliás, nos dois clássicos após a volta do recesso de quatro meses, os resultados não foram condizentes com o melhor desempenho dos palmeirenses – ambos no Itaquerão. Tanto na derrota por 1 a 0, na penúltima rodada da fase de classificação, quanto no recente empate sem gols, a equipe de Luxa foi melhor, conseguiu ter maior domínio sobre o arquirrival e controlou melhor as ações ofensivas. O problema segue o mesmo: a falta que Dudu faz na frente. É preciso resolver o último setor, definir melhor as jogadas.

O Palmeiras de Luxemburgo geralmente começa apostando na velocidade pelos lados, principalmente com Rony, que pouco lembra o jogador dos tempos em que defendeu o Athletico Paranaense. Outro que também está abaixo do que se espera é Luiz Adriano. Não há melhor momento para mudar este panorama e ficar bem na fita com a torcida. No segundo tempo, a tática é povoar o meio com Scarpa e Lucas Lima – não tem dado muito certo. A expectativa é pela recuperação de Felipe Melo, coração do time e que promete incendiar a decisão – sempre pelo bem ou pelo mal do Verdão.

Mas o fato é que o desejo de revanche da final perdida, em 2018, para o próprio Corinthians, o mando de campo e o elenco mais qualificado colocam o Palmeiras como favorito a ficar não só com o triunfo, mas com o direito de dar a volta olímpica. A triste realidade é a ausência da torcida.

  • Odds no triunfo do Palmeiras por 1 a 0, segundo o SpinSports: 5.50 para 1.
  • Primeiro e segundo tempo (empate/Palmeiras): 4.75 para 1

Corinthians (R$ 3,50)

Mesmo com a classificação sofrida e que poucos acreditavam na primeira fase, além de passar pelo RB Bragantino na condição de azarão (nas quartas) e a vitória suada sobre o Mirassol, na semifinal, o Corinthians jamais usaria um discurso de que somente a condição de finalista está de bom tamanho. Problema de quem deixou o Timão chegar.

Claro que a maior responsabilidade de sagrar-se campeão é do Palmeiras, que conta com elenco muito mais caro, atuará em casa e vem de jejum no estadual de 12 anos. Tamanho peso pode ajudar o Alvinegro de Parque São Jorge. Logo, espera-se por uma postura mais recuada dos comandados de Tiago Nunes, sem falar na confiança na estrela do goleiro Cássio em decisões, na experiência de Fagner e no faro sempre apurado do artilheiro Jô.

O Timão joga pela famosa bola marota, que entra sofrida e balança o barbante. Pode esperar por muita entrega e raça. E também sorte, por que não? Essas são as armas do Corinthians para chegar ao tetracampeonato paulista.

Prováveis escalações

Palmeiras: Weverton, Marcos Rocha, Luan (Felipe Melo), Gómez e Viña; Patrick de Paula, Ramires e Gabriel Menino; Zé Rafael (Willian), Rony e Luiz Adriano. Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Carlos Augustos; Gabriel e Éderson; Ramiro, Luan e Mateus Vital; Jô. Técnico: Tiago Nunes

Palpites com odds do SpinSports

Título do Palmeiras com vitória sobre o Corinthians por 1 a 0, resultado que traz a cota de R$ 5,50 sobre cada real.