Melhores Sites De Apostas
*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Palpite para Chile x Peru pela semifinal da Copa América 2019, com Patrícia Fagundes

Dois semifinalistas não tão favoritos. O futebol tem disso. Mas e agora quem enfrenta Argentina ou Brasil na final?

Bicampeã da Copa América, a seleção do Chile sonha com o tri aqui no Brasil. E assim como foi nas duas últimas decisões, o adversário final dos chilenos pode mais uma vez ser a Argentina. Mas antes, os hermanos precisam passar pela Seleção Brasileira na terça-feira (02) e o Chile pelo Peru na quarta (03). Qual a probabilidade dessa final realmente acontecer? Vamos analisar um dos lados dessa moeda.

Surpresa ou não, o Chile chegou à mais uma semifinal

Na primeira fase havia um favoritismo claro do Chile para se classificar junto ao Uruguai dentro do grupo C. Nas quartas de final o fato de ser favorito de diluiu ao enfrentar um adversário complicado como a Colômbia, que até então mantinha incríveis 100% de aproveitamento e nem um único gol sofrido com a melhor campanha da Copa América 2019.

O Chile não era o esperado nas semifinais antes do duelo contra os colombianos. Mas o futebol é sempre uma caixa de surpresas e colombianos e chilenos protagonizaram o terceiro 0 a 0 das quartas de final da Copa América. Mais um duelo decidido nas penalidades, onde o Chile foi impecável, convertendo as cinco cobranças; a Colômbia perdeu a última delas.

Peru quer mais do que um terceiro lugar

O último título do Peru em Copa América foi em 1975, porém a seleção peruana vem batendo na trave nos últimos anos e não costuma ter qualidade para chegar à final, mas tem ido bem nas disputas de terceiro lugar, mas quem vai lembrar que você foi o terceiro colocado em uma competição, não é mesmo? Em 2016 o Peru foi eliminado nas quartas de final pela Colômbia, mas nas duas edições anteriores (2011 e 2015) os peruanos chegaram à disputa do terceiro lugar, onde venceram Venezuela e Paraguai, respectivamente.

Ficar em terceiro em uma Copa América pode até ter os seus méritos, mas é como você chegar tão longe e no fim das contas não dar em nada, não alcançar o seu objetivo. Depois de surpreender o Uruguai, o Peru chega muito motivado para seguir até o final da disputa, um adversário que o Chile precisa ter bastante cuidado.

Alexis Sánchez x Paolo Guerrero

De um lado, o cara que classificou o Chile na última cobrança de pênalti contra a Colômbia. Alexis Sánchez vem tendo na Copa América o que não conseguiu em sua última temporada europeia: regularidade. Entre um jogo e outro, o chileno consegue manter suas boas atuações e tem sido peça essencial em campo. Do outro, aquele que não se esperava um retorno em tão alto nível após o longo período longe dos gramados. Paolo Guerrero é peça muito importante no ataque do Peru. Com toda sua experiência, Guerrero é um líder em campo com sua equipe.

Alexis Sánchez possui 2 gols marcados e uma assistência até aqui na Copa América enquanto Paolo Guerrero possui apenas um tento. O jogo dessa quarta-feira (03) poderá ser de uma bela briga por artilharia entre dois gigantes do futebol chileno e peruano.

Um assunto chato e recorrente: o gramado da Arena

Brasil x Argentina irão disputar a semifinal no Mineirão, em Belo Horizonte na terça-feira (02) e Chile x Peru se encontram na quarta-feira (03) na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Um problema citado desde o início da Copa América envolve o estádio de Porto Alegre, que sediará a quinta e última partida da competição. Não houve treinador que não questionou a qualidade do gramado, muito judiado e que precisa de uma reforma imediata.

O motivo de todas as críticas: o gramado ruim dificulta o jogo, aumenta o número de passes errados, diminui a segurança dos atletas em relação á partida. Realmente não é conversa para boi dormir. Um gramado impecável deveria ser o mínimo para uma Copa América. Espero realmente que esse fator não diminua o espetáculo.

Palpite Chile x Peru

Não é de graça que o Chile é favorito para vencer esse jogo. Os chilenos, além de bicampeões da Copa América, fizeram mais até aqui desde a fase de grupos. Embora tenham sido derrotados por 1 a 0 para o Uruguai na última rodada da primeira fase, os chilenos mereciam a vitória contra a Colômbia ainda no tempo normal nas quartas de final. Por outro lado, o Peru marcou gols apenas contra a singela Bolívia na primeira fase e levou um sacode do Brasil. Embora tenha segurado o Uruguai, contra o Chile isso não tende a se repetir. A melhor aposta é na seleção de Vidal e Sánchez por aqui. Vamos de Chile, que paga R$ 1,90 para R$ 1,00 no Bodog.

Copa América 2019 – Semifinais

Terça-feira, 02 de julho
  • 21h30: (R$ 1,83) Brasil 2 x 0 Argentina (R$ 4,80) (Empate R$ 3,50)
Odds em 1º de julho, segundo o Bodog:
Quarta-feira, 03 de julho
  • 21h30: (R$ 1,90) Chile 0 x 3 Peru (R$ 4,70) (Empate R$ 3,20)