Melhores Sites De Apostas

*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Brasil estreia em busca do sonhado ouro olímpico

Com uma competição de poucas estrelas, o Brasil larga como favorito por ter a presença de seu principal jogador, Neymar. Para iniciar a caminhada pelo esperado Ouro, a seleção brasileira enfrenta a África do Sul, nesta quinta-feira, às 16h, e pagará R$ 1,13 por cada real investido. Para os mais otimistas, uma goleada a partir de três gols renderá mais R$ 0,31.

Apesar de não ter nenhum grande jogador, a África do Sul chega se orgulhando da lembrança de ter derrotado o Brasil nos Jogos Olímpicos de 2000. Na época, derrotaram um time de Ronaldinho e Alex por 3 a 1. Se repetir o feito pagará R$ 15,00 para os investidores.

Contam para o Brasil o fato de jogar em casa e contar praticamente com quase todos os sub-23 que desejava. O time de Rogério Micale ainda terá as sensações do momento: os atacantes Gabriel Jesus e Gabigol, cobiçados pelos principais clubes europeus. Até um empate, que dará R$ 9,00 por cada real investido, será considerado um resultado frustrante.

Quando entrar em campo, as seleções já saberão o placar necessário para ficar nas primeiras posições, pois os outros dois times do grupo se enfrentam mais cedo, às 13h. O Iraque teve o melhor ataque da Copa da Ásia sub-23, mas encara a Dinamarca, que derrotou a Alemanha no torneio classificatório. Uma vitória iraquiana renderá R$ 3,40, o mesmo valor pago pelo empate. O time dinamarquês é o mais cotado, pagará R$ 2,10 por cada real, mas chegará desfalcado de alguns dos seus principais jogadores nesses Jogos Olímpicos.

Sem Ibrahimovic, Suécia tenta ser a protagonista do Grupo B

No Grupo B, a Suécia estreia contra a Colômbia às 19h. Mesmo sem seu principal jogador, que anunciou sua aposentadoria da seleção, o time sueco chega com o status de campeã europeia sub-21 para enfrentar a Colômbia. Com as ausências de outros nomes que participaram da Eurocopa, a Suécia perdeu o favoritismo e dará R$ 5,25 por vitória. O time colombiano chega com moral devido o título da Libertadores com o Atlético Nacional. O artilheiro das fases finais da competição por sinal vem ao Brasil. Borja será uma das opções de ataque, assim como Téo Gutiérrez. Se a artilharia estiver afiada, a vitória pagará R$ 1,67 em um investimento de R$ 1. Já o empate dará R$ 3,60.

Pelo mesmo grupo, Nigéria enfrentará o Japão, às 22h. De acordo com estatísticas do Oddsshark.com/br, uma vitória da Nigéria dará lucro de 180% no investimento. O Japão pagará um pouco menos e renderá R$ 2,70 por cada real investido e o empate dará R$ 3,00.

O time nigeriano contará com a liderança de John Obi Mike, que jogou por dez anos no Chelsea. Além disso tem um ataque veloz - que derrotou o Brasil por 1 a 0 – como uma das forças do time. A velocidade também é uma das armas do Japão, que chega ao Brasil com o experiente Shinzo Koroki, de 30 anos, para comandar o ataque.

Coreia do Sul favorita para golear as Ilhas Fiji

A seleção sul-coreana está longe de ser uma potência do futebol, porém mesmo assim tem amplo favoritismo contra uma iniciante Ilhas Fiji, na partida das 20h. Uma vitória da Coreia do Sul pagará apenas R$ 0,07 de lucro por cada real dos investidores. Se golear por cinco gols ou mais, o pagamento sobe para mais R$ 0,93.

Fiji chega para sua primeira participação e sua vitória renderá R$ 21,00. O time que no ano passado foi goleado pela Nova Zelândia por 8 a 1 parece ser uma zebra até para o empate, que pagará R$ 12,00.

Mais cedo, às 17h, um grande jogo também movimenta o grupo C. O atual campeão olímpico México enfrenta a recente campeã mundial, Alemanha. Mesmo sem ter nenhum dos jogadores que conquistaram a Copa do Mundo de 2014, a seleção alemã chega ao país com nomes já de destaques no campeonato alemão, como Meyer, Goretzka e Lars. Do outro lado, o México traz o carrasco do Brasil, o atacante Oribe Peralta, autor dos dois gols que garantiram o ouro em Londres.

De acordo com estatísticas da oddsshark.com/br, uma vitória do México pagará R$ 3,20, o mesmo valor da premiação do empate. Já os alemães garantem R$ 2,30.

Sem Cristiano Ronaldo e Messi, Argentina surge como favorita

O grupo D tinha tudo para ser o mais interessante da primeira fase dos Jogos Olímpicos, mas em vez disso, Argentina e Portugal sofreram para montar suas equipes. Além das estrelas, a seleção portuguesa não conseguiu a liberação dos principais nomes dos três principais clubes do país. Com isso, uma vitória pagará R$ 3,50 por um real. A Argentina que não tem Dybala, mas conseguiu Calleri - artilheiro do São Paulo na Libertadores – vem como mais cotada e pagará R$ 2,20. O empate da partida de 18h dará R$ 3,10.

Na outra partida do dia, Honduras e Argélia se enfrentam às 15h. Sem nenhum nome de destaque nas duas equipes, a partida será determinante para decidir quem brigará por uma vaga na próxima fase. Uma vitória de Honduras pagará R$ 3,10 por cada real, enquanto a da Argélia dará R$ 2,38. O empate renderá R$ 3,10. Quem apontar o placar exato do jogo receberá no mínimo R$ 6,50. Uma vitória por 3 a 1, por exemplo, daria R$ 12,00.

Comments