Melhores Sites De Apostas
*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

EUA ou Suécia: quem leva a final do curling? Listamos apostas imperdíveis na despedida das Olimpíadas de Inverno

Foto: Ronald Martinez / Getty Images

Além do curling, snowboard e bobsled prometem fechar o evento com chave de ouro e ainda dar muito lucro para os apostadores

Como tudo que é bom dura pouco, as Olimpíadas de Inverno de PyeongChang estão chegando ao fim. Como passa rápido! Foram duas semanas bastante intensas com muita emoção e quebra de recordes no gelo da Coreia do Sul. A edição de 2018 se encerra no próximo domingo (25), portanto, teremos mais dois dias bastante intensos com 11 disputas de medalhas para fechar o evento com chave de ouro - sem trocadilhos. Aproveite o final de semana para de despedir do frio coreano com muita coisa legal  nas madrugada de sexta para sábado e sábado para domingo. Imperdível!

Até porque são as últimas oportunidades de ganhar aquela grana extra investindo nos Jogos de Inverno. Quem acompanhou a nossa cobertura do evento ao longo das duas últimas semanas cansou de ganhar dinheiro - tivemos cravadas na patinação artística, snowboard, biatlo, esqui alpino entre outros. Bacana demais! Quais as boas pedidas para os últimos dois dias de competição? A gente destrinchou os odds do Bumbet e traz para você agora.

Curling  - final masculina

Um dos esportes mais amados pelos brasileiros no gelo de PyeongChang, o curling masculino se despede com uma final simplesmente eletrizante nesta madrugada! Às 3h da manhã (de Brasília) o surpreendente time dos Estados Unidos tenta desbancar mais um dos grandes favoritos - encara a toda poderosa Suécia na disputa pelo ouro olímpico. Vale demais ficar ligado!

Os suecos chegam voando

Antes dos jogos começarem, o time da Suécia aparecia como um dos grandes candidatos ao título - apenas atrás do Canadá. Na prática, os suecos passearam na primeira fase e mantiveram a invencibilidade por um bom tempo - ostentam um recorde invejável de 8-2 até então.

A semifinal contra o bom time da Suíça foi o chamado passeio: placar elástico de 9 a 3. A surra poderia ter sido maior se o capitão da Suíça não tivesse proposto o aperto de mãos no final do oitavo end. Para quem não acompanha o curling, quando o time que está perdendo oferece um aperto de mãos, ele está automaticamente reconhecendo a derrota e desistindo de um jogo, em sua visão, perdido. Lembrando que o jogo possui ao todo dez ends.

Olha a zebra americana!

Não, você não leu errado… Os Estados Unidos estão na grande final do curling pela primeira vez na história! Após uma campanha bem irregular e flertar com a eliminação na primeira fase, o time americano foi buscar a sonhada vaga nas semifinais com muita garra e determinação. Nada mal para um país com quase nenhuma tradição no curling. Como o adversário era o Canadá, MUITO favorito e atual tricampeão olímpico, os americanos já estavam conformados com uma provável derrota.

Bem, não foi o que aconteceu! Liderados pelo experiente skip John Shuster, os EUA chocaram o mundo e venceram os rivais canadenses por 5 a 3. Uma das maiores zebras da história do esporte! Sobrou tristeza e decepção pelos lados do Canadá - talvez a maior potência do esporte - que não só perdeu também a disputa pelo bronze com a Suíça como também viu seu favorito time feminino sequer se classificar para as finais. Certamente muita coisa será mudada por lá nos próximos anos.

Quem leva essa?

Sinceramente, a glória máxima para o time americano já foi eliminar o rival e todo poderoso Canadá nas semifinais. Agora, eles devem entrar naquela fase de ‘o que vier é lucro’. Claro que eles farão jogo duro, mas não serão capazes de bater uma Suécia que vem sobrando e que destruiu a Suíça nas semifinais. Apesar da vontade de investir no azarão ser grande, fique com o favorito: a vitória dos suecos paga decentes R$1,70 a cada real no Bumbet.

Snowboard - final do big air masculino

Os canadenses devem afogar as mágoas do curling nesta prova - onde os dois principais favoritos ao ouro são do país.  A disputa entre Max Parrot e Mark McMorris promete demais! Ambos faturaram medalhas no slopestyle e são ainda melhores no big air. Em qual dos dois investir?

Dica de aposta: Embora McMorris seja mais técnico, Parrot é mais inovador e deve trazer duas manobras nunca feitas: o quad underflip e o cab triple cork 1800. Se ele conseguir, o ouro é quase que garantido. A vitória de Parrot é boa pedida pagando R$2,50 a cada real no Bumbet.

Bobsled - final do 4-man

Quem não se lembra do filme “Jamaica Abaixo de Zero”? O bobsled se popularizou ainda mais com a história do time jamaicano e é um dos esportes mais esperados das Olimpíadas de Inverno. Assim como no luge e no skeleton, feitos em pistas, os alemães aparecem como grandes favoritos e devem levar essa.

Dica de aposta: Acredite no ouro do time do piloto Johannes Lochner -  que paga R$3,00 a cada real investido no Bumbet.

Comments