Melhores Sites De Apostas

*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Ensinamentos da Semana 4: com a pior defesa da NFL, ainda vale investir no New England Patriots?

O sinal de alerta acendeu em Foxborough após a segunda derrota em casa na temporada 2017

Antes de a temporada começar, o New England Patriots dominava amplamente as futures, ou outrights, e era o grande favorito segundo as casas de aposta a vencer o próximo Super Bowl. Agora, um começo de temporada bem ruim vem fazendo com que todo aquele favoritismo diminua rodada após rodada. A derrota para o Carolina Panthers na Semana 4 foi a segunda da equipe em casa e colocou uma pulga atrás da orelha dos apostadores: afinal, ainda vale investir no New England Patriots?

Vamos por partes. Primeiro, é preciso lembrar que o ataque continua mortal como sempre: é o melhor da NFL em jardas e o segundo melhor em pontos. Mesmo com a sentida ausência de Julian Edelman e com uma linha ofensiva longe de ser espetacular, Tom Brady vem tendo um ano digno de MVP com 1400 jardas, 10 TDs e nenhuma interceptação nas quatro primeiras partidas.

Agora, o que vem tirando o sono do fanático torcedor dos Pats é a defesa. Chega a ser assustador pensar que o grupo foi de melhor da liga cedendo pontos para o segundo pior de um ano para o outro. Isso sim preocupa quando imaginamos um investimento no longo prazo no time de Foxborough. O pass-rush não funciona, os linebackers sofrem nas coberturas e a secundária parece extremamente confusa. Pasmem: todos os QBs que enfrentaram os Pats passaram das 300 jardas. 

De que adianta anotar 30 pontos e levar 31? Mesmo com esse desempenho defensivo péssimo, os Patriots lideram a lista de favoritos ao Super Bowl 52 com odds de R$5,50 por real no Bet365. Considerando que o time começou o ano com odds de R$3,25, alguns podem pensar que investir nos Pats nesse momento de baixa é uma boa pedida. Bem, vamos com calma.

Ajeitar defesas na NFL é um trabalho árduo e não acontece de um dia para o outro. A tendência é que o time melhore, mas não no curto prazo. Portanto, investir seu rico dinheirinho nos Patriots não é uma boa pedida no momento. Se quiser fazer uma aposta future, aproveite os odds de R$9,50 no Kansas City Chiefs no Bet365. Eles vêm caindo a cada rodada e devem despencar ainda mais nas próximas semanas.

Sem mais delongas, vamos aos demais ensinamentos da Semana 4.

Eagles, Lions e Bills são grandes candidatos a playoffs

Esses três times dificilmente estariam na lista dos favoritos de algum analista antes da temporada começar, entretanto, devem brigar fortemente por um espaço na pós-temporada. Vale ficar de olho bem aberto com essas três equipes ao longo do ano!

Quem acompanha nossas análises aqui sabe que venho enfatizando esse Philadelphia Eagles já há algum tempo. A equipe evolui a cada jogo que passa! O jovem Carson Wentz continua jogando em alto nível, o front seven segue forçando turnovers e agora o jogo terrestre, que estava adormecido, explodiu na vitória contra os Chargers com 214 jardas. Vale lembrar que as Águias estariam invictas se não fosse uma apertada derrota para os Chiefs fora de casa - melhor equipe da NFL atualmente.

Assim como os Eagles, o Detroit Lions lidera sua respectiva divisão. Quem diria! Talvez Detroit seja o time mais ‘cascudo’ da NFL atualmente. Como é difícil de ser batido. O ataque aparece bem quando necessário e a defesa renovada vem encantando:  o atlético grupo é o quarto melhor cedendo pontos. O time pode não encher os olhos, mas faz o que precisa ser feito - e isso é meio caminho para os playoffs.

E o que falar desse Buffalo Bills? Disparado a maior surpresa da temporada 2017! Qualquer time que visita Atlanta e volta com a vitória diante dos Falcons pode e deve ser observado com outros olhos. A feroz defesa de Sean McDermott é a melhor da NFL cedendo pontos e o ataque está começando a engrenar.

Raiders e Vikings devem cair de produção

As lesões começam a aparecer! Não é exagero dizer que a ausência de apenas um jogador pode destruir a temporada de uma equipe na NFL (basta ver o Indianapolis Colts). Te todos os jogadores que se contundiram na última semana, a baixa mais sentida foi do QB Derek Carr, do Oakland Raiders.

O camisa 4 sofreu uma fratura na vértebra e pode desfalcar sua equipe por até seis semanas! A notícia caiu como uma bomba na Califórnia, pois ele é, disparado, o melhor jogador desse ataque. Para imaginar os Raiders sem ele, basta lembrar o vexame nos playoffs do ano passado.

Já no Minnesota Vikings, a palavra lesão está longe de ser uma novidade. Em mais uma temporada a franquia sofre com contusões de jogadores importantes - a da vez foi o triste rompimento de ligamento cruzado do RB calouro Dalvin Cook. A franquia que já luta sem o seu QB titular agora perde o principal running back por todo ano. Mesmo que Bradford volte logo, a ausência de Cook afetará diretamente a posse de bola da equipe.

Saints e Texans podem surpreender após começo ruim

Dos times que começaram 0-2, o New Orleans Saints é o único que pode e deve brigar por playoffs. Primeiro, porque a NFC South está totalmente em aberto e a briga promete ser violenta ao longo do ano. Depois, porque o time conta com um gênio na posição de quarterback: Drew Brees está jogando em alto nível e deve fazer esse ataque rodar em mais um ano.

Agora, o fator que vai fazer os Saints realmente entrarem na briga é o desempenho da defesa. Nos dois últimos anos o time teve o melhor ataque da NFL, mas acabou com campanhas 7-9 por causa de uma defesa péssima. Parecia que o roteiro se repetiria esse ano, entretanto, o grupo jogou muito bem nas duas últimas partidas cedendo uma média de apenas 13 pontos.

Já o caso dos Texans é o oposto: o time venceu a AFC South baseado em uma defesa fortíssima, mas não avançou nos playoffs por ter um ataque, digamos, péssimo. Após anos e anos sem um QB decente, Houston parece finalmente ter encontrado uma solução nas mãos do garoto Deshaun Watson. Foram 90 pontos marcados somando os últimos dois jogos! 57 apenas contra os Titans - com o calouro lançando 4 TDs e correndo para mais um.

Comments