Melhores Sites De Apostas
*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Quando a derrota de Jon Jones é certa...

Foto: Jeff Zelevansky / Getty Images

No próximo dia 31 de outubro, Jon Jones terá um encontro com representantes da Usada (Agência Antidoping dos Estados Unidos) para uma audiência arbitrária que vai tratar do flagra divulgado em julho. Na reunião, ambas as partes buscarão entrar em um acordo comum, mas sem a influência do poder judiciário. O momento é de expectativa para o fã de lutas, que aguarda a definição sobre o futuro do campeão interino dos meio-pesados do UFC, e, mais do que isso, não está acostumado e ver o lutador em desvantagem contra um rival poderoso. O duelo Jon Jones Vs. Usada é fora do octógono, mas vale muito.

A Usada, claro, é a favorita na briga. Jones foi flagrado em exame antidoping realizado antes do UFC 200, onde enfrentaria Daniel Cormier. O americano foi suspenso pelo Ultimate de forma temporária, mas ainda é o detentor do cinturão interino dos meio-pesados do UFC. Na teoria, Jones deveria pegar dois anos de suspensão. Porém, segundo o advogado do lutador, a Usada já comprovou que, assim como alegado pela equipe do atleta, uma substância ingerida por Jones durante seus treinos estava contaminada. Mesmo que Jones não tenha culpa no cartório não significa que ele não será punido. Neste caso, um acordo pode ser o caminho entre ele e a Usada. A pena pode ser reduzida a um ano e Jones poderia voltar a lutar em abril de 2017.

O encontro com a Usada no dia 31 de outubro pode não ser definitivo. Isso porque Jones também tem uma audiência marcada com a Comissão Atlética de Nevada para o dia 10 de novembro, em Las Vegas (EUA). Nesta ocasião, as chances de uma definição são maiores.

É importante reforçar que é extremamente improvável que a Usada volte atrás e anule o teste. É um fato que Jones estava dopado, seja culpa dele ou não. Mesmo que a pena seja reduzida, ainda assim o lutador será considerado "culpado" por não ter tido os devidos cuidados com os produtos ingeridos durante seu camp de treinamentos. A consciência fica tranquila, mas o legado já foi machado (pela segunda vez).

Por essas e outras, neste caso, apostar na derrota de Jones é aceitável e esperto. Bem diferente do que apostar contra o campeão quando a luta é dentro do octógono.

Comments