Melhores Sites De Apostas
*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

A elegante Croácia e a raçuda Argentina seguem vivas pelo Grupo D. O que esperar de cada uma nas oitavas?

Seleção Argentina
Foto: Ian MacNicol/Getty Images

Lionel Messi e companhia ganharam uma sobrevida mostrando que estavam mesmo dispostos a deixar o sangue em campo

27/06/2018, POR Matias Carranza

A Argentina é mesmo uma seleção que merece ser estudada em todos os seus múltiplos olhares, incluindo aqueles que se interessam em enxergar a seleção como a candidata perfeita a receber as apostas mais inusitadas. O grande exemplo disso veio no desfecho deste Grupo D da Copa do Mundo. Com a Croácia já garantida nas oitavas e se dando ao luxo de escalar um time cheio de reservas contra a Islândia, a atração foi mesmo o que Lionel Messi, Javier Mascherano e seus companheiros fizeram em campo, porque na beira dele ninguém levava em consideração o que fazia ou dizia o técnico Jorge Sampaoli, solenemente ignorado durante os quase cem minutos de jogo.

A sua euforia gritando os gols totalmente sozinho já está na história deste épico 2x1 para a Argentina. É mesmo chocante que uma equipe tão improvisada possa contorcer tanto a lógica a ponto de se sobressair diante de um rival que vacilou demais. A Nigéria teve mais de uma chance de decretar o adeus argentino nesta Copa, mas não conseguiu colocar em prática aquilo que os vizinhos realmente têm de sobra, que é este caráter aguerrido que consegue reverter todos os prognósticos – mesmo quando a partida já está muito perto do fim, como foi o que aconteceu com a Nigéria, quando o gol de perna direita do lateral-esquerdo Marcos Rojo saiu apenas aos 42 do segundo tempo.             

França pelo caminho

Passando o verdadeiro pesadelo que seria dar adeus à Copa do Mundo ainda na primeira fase, os argentinos agora encontram a França em um duelo de campeões mundiais logo no primeiro mata-mata do Mundial. O encontro será realizado na cidade de Samara e vai começar às 11h (de Brasília) deste sábado (2).

Já há odds disponíveis para esta partida, e a vantagem francesa é latente. De acordo com o BetWay, a França paga R$ 2,30 caso vença o confronto, contra R$ 3,70 da Argentina e R$ 3,10 do empate que levaria a definição para a prorrogação.

Todos sabem que a recuperação física no esporte de alto rendimento é essencial - sem ela, é difícil que uma equipe faça frente à outra. Pois o que a Argentina vai viver nos próximos dias vai ser realmente um calvário frente ao relaxamento da França. A seleção azul e branca é a mais velha da Copa e passou por um desgaste insano. A França está fresquinha: poupou seis titulares na partida contra a Dinamarca, incluindo o goleiro, e está mais do que capacitada para devolver a Argentina à sua realidade de improvisos e de desesperos.

Croácia com um tom de Brasil

O futebol croata se assume um grande fã do Brasil, com seus jogadores buscando as mais diferentes referências técnicas do país pentacampeão mundial. Pois o que a Croácia está fazendo nesta Copa do Mundo realmente tem muito de Brasil – 100% de aproveitamento na fase de grupos, com três vitórias, sete gols marcados e apenas um único sofrido. E isso porque a seleção ainda entrou com reservas para enfrentar a Islândia no desfecho da chave, ainda assim conseguindo vencer por 2x1.

A Croácia está bem cotada até mesmo para ser campeã na Rússia – um título da equipe do leste europeu devolve hoje R$ 13,00 a cada R$ 1,00, o mesmo, por exemplo, que um título da bicampeã mundial Argentina.

Não custa repetir: a Croácia é sim uma aposta sólida, pois conta com jogadores maduros e que demonstram grande destaque nas principais ligas do futebol mundial. Modric é titular há muitas temporadas no multicampeão Real Madrid, assim como Rakitic no Barcelona e Mandzukic na Juventus.

A próxima parada croata será contra a Dinamarca, neste domingo (3), a partir das 15h. E a vantagem da Croácia é considerável tanto nos odds como no que cada equipe apresentou até aqui. Deve ser a partida do ataque da Croácia contra a defesa da Dinamarca, que deve insistir em uma partida arrastada e na possibilidade de contar com uma definição na prorrogação ou até mesmo nos pênaltis. Observar os odds da vitória croata faz bastante sentido. Talvez seja uma seleção até mesmo mais confiável que a Bélgica, que não costuma ter o brio necessário nas horas decisivas.  

Oitavas de final das seleções do Grupo D da Copa do Mundo 2018

Sábado, 30 de junho

Odds em 27 de junho, de acordo com o BetWay

  • 11:00 – (R$ 3,70) Argentina x França (R$ 2,30); empate (R$ 3,10) – Palpite: França
Domingo, 1º de julho

Odds em 27 de junho, de acordo com o BetWay

  • 15:00 – (R$ 1,85) Croácia x Dinamarca (R$ 5,20); empate (R$ 3,40) – Palpite: Croácia

as melhores casas de apostas

 

Argentina, Nigéria ou Islândia: Em quem vale a pena apostar para avançar no Grupo D?

Lionel Messi e companhia vivem situação dramática e ainda por cima dependem de uma ajuda da Croácia...

22/06/2018, POR Matias Carranza

De tropeço em tropeço, a Argentina não consegue encontrar o seu caminho na Copa do Mundo da Rússia. Depois de sofrer horrores nas Eliminatórias e quase não conseguir se classificar, o time comandado pelo elétrico Jorge Sampaoli está correndo o sério risco de ser eliminado ainda na primeira fase deste Grupo D da Copa do Mundo. Nada muito anormal em se tratando do instável futebol argentino, que em 2002 também se viu fora das oitavas mesmo contando com um timaço com Simeone, Ortega e Batistuta, para citarmos só três.

Se a Argentina é o destaque negativo até aqui, há coisas boas a se falar das outras três seleções da chave. A Croácia é um dos pontos altos não apenas do grupo, mas da Copa como um todo. Modric, Rakitic e Mandzukic deram um verdadeiro banho na Argentina e na Nigéria, e a campanha de 100% é um sinal claro de que as coisas por lá estão sendo bem feitas. São seis pontos disputados, seis pontos conquistados, cinco gols marcados e nenhum sofrido. Admirável mesmo.

Aplausos também merecem os nigerianos, que não se desesperaram com a obrigação de vencer a Islândia e conseguiram o 2x0 que mantiveram a esperança de classificação – tanto dos africanos quanto dos argentinos, que ainda sonham com a vaga que ao mesmo tempo em que parece possível, custa a ser recebida com naturalidade mediante o pobre desempenho do time em campo.

A Islândia também tem o que comemorar. Estreante em Copas, o país de apenas 300 mil habitantes entra na rodada decisiva com chances de passar para as oitavas – precisaria ganhar da Croácia e torcer para a Argentina não vencer a Nigéria por um placar muito elástico. É um papel dos mais dignos dos simpáticos islandeses.

Vale registrar o horário deste já: tanto Argentina x Nigéria quanto Croácia x Islândia se enfrentam às 15h (de Brasília) da próxima terça-feira (26). Impossível deixar de acompanhar.              

Argentina favorita

Os africanos surgem com menor capacidade de passar de fase que os argentinos – ao menos nos odds, porque em campo a coisa é sim bem parelha. De acordo com o BetWay, a Nigéria devolve R$ 2,75 caso avance às oitavas, contra R$ 1,80 da Argentina. A Islândia aparece distante: R$ 6,00/R$ 1,00. A Croácia já está classificada e pode render apostas interessantes sobre a fase que conseguiria alcançar.

Se caírem fora ainda nas oitavas, pagam R$ 2,10, contra R$ 2,75 de um avanço até as quartas. Quem for arrojado já pode olhar para os lucros de uma queda croata na semifinal, com R$ 6,50/R$ 1,00.

Mistério até o último minuto

Outro sinal de que não se deve descartar a presença argentina nas oitavas vem da própria partida contra a Nigéria: a vitória de Messi e companhia devolve R$ 1,45/R$ 1,00, contra R$ 6,50 da Nigéria e R$ 4,50/R$ 1,00 do empate. A Argentina, porém, vai precisar brigar contra ela mesma, porque o time parou de jogar depois de perder a Copa América Centenário para o Chile em 2016, e um exemplo disso foi dado na Rússia em um amistoso no ano passado, quando a Nigéria massacrou os argentinos com um 4x2 que já indicava muitas das deficiências que a equipe de Sampaoli hoje enfrenta.

O ambiente dentro do elenco é péssimo há muitos meses, e o ânimo do grupo depois da derrota contra a Croácia fez com que jogadores como Agüero fizessem pouco caso do técnico até mesmo em declarações públicas.

Vale lembrar também que a Argentina enfrenta a Nigéria com muita frequência na fase de grupos das Copas. Venceu em todas as ocasiões, mas sempre por apenas um gol de diferença: 2x1 em 1994, 1x0 em 2002, 1x0 em 2010 e 3x2 em 2014. O complicado é que a Argentina vai precisar jogar para frente e, se a Islândia bater a Croácia, os vizinhos têm de conseguir um resultado de no mínimo dois gols de vantagem sobre a Nigéria. O time fez apenas um na Islândia e não conseguiu nenhum contra a Croácia. Imaginar o que será dos argentinos diante da Nigéria é mesmo um mistério dos mais profundos, com a ressalva de que a equipe até aqui não inspira nenhuma confiança para conseguir os seus objetivos.

Jogos do Grupo D da Copa do Mundo 2018

Terça-feira, 26 de junho

Odds em 22 de junho, de acordo com o BetWay

  • 15:00 – (R$ 1,45) Argentina x Nigéria (R$ 6,50); empate (R$ 4,50) – Palpite: Empate
  • 15:00 – (R$ 2,25) Croácia x Islândia (R$ 3,10); empate (R$ 3,40) – Palpite: Croácia

as melhores casas de apostas

 

Grupo D: Vexame argentino é provável e pode render uma bolada nas apostas

Sem conseguir vencer a estreante Islândia, seleção de Messi e Sampaoli já flerta com a eliminação na primeira fase

18/06/2018, POR Matias Carranza

 Argentina está fazendo jus à fama de ser a terra do tango, do sofrimento e da melancolia. Repleta de craques, a sua seleção continua sem conseguir engrenar e sem oferecer uma gota sequer de otimismo neste complicadíssimo Grupo D da Copa do Mundo.

Parece mentira, mas a Argentina não conseguiu vencer, em plena Copa do Mundo, a esforçada Islândia, um país que tem apenas 10% da população de Buenos Aires. A igualdade deixou a seleção azul e branca em maus lençóis – pior do que os pontos que escaparam foi a atuação, muito fraca e sem conseguir gerar a quantidade de possibilidades de gols que foram criadas, por exemplo, por França e Brasil, outras duas seleções poderosas que sofreram contra candidatos de um nível aquém.             

Grupo dos mais embolados

O 1x1 da Argentina com a Islândia não foi o único sinal de alerta visto em Buenos Aires neste sábado. Durante a tarde, a vitória da Croácia sobre a Nigéria mostrou que os croatas têm um time bastante ajustado em todos os setores de campo e com possibilidades de ganhar sim dos argentinos na quinta-feira, quando ambos se enfrentam em Nínji Novgorod a partir das 15h (de Brasília). A segunda rodada do Grupo D vai ficar completa com Nigéria x Islândia, às 12h de sexta (22).

Convém repassar os lucros gerados pelos dois jogos nesta primeira rodada. O empate entre Argentina e Islândia rendeu R$ 5,17 a cada R$ 1,00 apostado a quem antecipou esta possibilidade. E a vitória da Croácia sobre a Nigéria já era mesmo mais esperada, mas ainda assim ofereceu R$ 1,67/R$ 1,00 – um lucro interessante numa condição de favoritismo como realmente se verificou.

Ou seja: apostar na Croácia diante da Argentina não demonstra ser nada tão inusitado assim, não. É bem provável que Jorge Sampaoli precise alterar bastante a sua equipe, e qualquer mexida na Argentina vai causar diversas questões internas que o elétrico treinador precisa conduzir com cuidado em seu núcleo de jogadores. De acordo com o BetWay, a Croácia rende R$ 4,33 a cada R$ 1,00 investido, contra R$ 2,00 da Argentina - favorita ainda assim! - e de R$ 3,40 do empate que também merece ser observado com atenção.

Este talvez seja o jogo mais aberto da segunda rodada, com uma possibilidade de vermos uma nova partida de muita emoção, como o 3x3 da Espanha contra Portugal.

Tão aberta quanto a perspectiva deste jogo está o cenário para a classificação nesta chave que está mesmo se confirmando como uma das mais parelhas da Copa. Hoje, a Croácia devolve R$ 1,16 caso avance às oitavas, contra R$ 1,25 da Argentina, R$ 3,20 da Islândia e R$ 7,00 da Nigéria – a única derrotada da primeira rodada. Pois a possibilidade de queda da Argentina ainda na primeira fase é interessante o suficiente para se abrir os olhos e analisar com cuidado desde já o quanto paga, e o lucro de momento é de R$ 4,00/R$ 1,00 caso os vizinhos deem adeus antes das oitavas.

Jogo de compadres?

Mais interessante do que apostar na queda argentina é investir, por exemplo, no que renderia a classificação da Islândia, que se vê com um caminho bastante interessante para seguir na Copa do Mundo. A projeção faz sim bastante sentido.

A próxima partida da Islândia vai ser contra a Nigéria, e os odds para este confronto estão realmente bem equilibrados. A Nigéria devolve R$ 2,90 com sua vitória, contra R$ 2,70 da Islândia e R$ 3,20 do empate. A Islândia mostrou na primeira rodada que é mais forte que a sua rival africana, e uma vitória dos europeus na segunda rodada (com Croácia e Islândia saindo como ganhadores) poderia oferecer uma situação realmente incrível na última rodada. Croácia e Islândia jogam entre si no fechamento do grupo, e caso ambas cheguem a este confronto decisivo com a vitória nesta segunda rodada, um mero empate entre ambas bastaria para avançar de fase e deixar Argentina e Nigéria fora do Mundial independentemente do resultado do último jogo.

Por isso, é interessante olhar desde já: a possibilidade que abraça Croácia e Islândia como as duas primeiras da chave rende interessantes R$ 8,00/R$ 1,00. Daria até para imitar Madonna e engatar um “Don’t cry for me Argentina...” sem desafinar.

Jogos do Grupo D da Copa do Mundo 2018

Quinta-feira, 21 de junho

Odds em 18 de junho, de acordo com o BetWay

  • 15:30 – (R$ 2,00) Argentina x Croácia (R$ 4,33); empate (R$ 3,40) – Palpite: Argentina
Sexta-feira, 22 de junho

Odds em 18 de junho, de acordo com o BetWay

  • 12:00 – (R$ 2,90) Nigéria x Islândia (R$ 2,70); empate (R$ 3,20) – Palpite: Islândia
Terça-feira, 26 de junho

Odds em 18 de junho, de acordo com o BetWay

  • 15:00 – (R$ 1,33) Argentina x Nigéria (R$ 10,00); empate (R$ 4,75) – Palpite: Argentina
  • 15:00 – (R$ 1,80) Croácia x Islândia (R$ 4,50); empate (R$ 3,50) – Palpite: Empate

as melhores casas de apostas

 

No Grupo da Argentina, todas as equipes têm chance de classificação

29/12/2017, POR GABRIEL STAVELE

A Argentina foi uma das cabeças-de-chave mais prejudicadas pelo sorteio para a Copa do Mundo de 2018. Nossos hermanos caíram no Grupo D, com Islândia, Croácia e Nigéria. Se não chegam a ser favoritas ao título, as três seleções têm qualidade o suficiente para fazer um bom papel na Rússia, e em um dia inspirado podem complicar a vida de Messi e seus companheiros. 

A seguir você confere os prognósticos para o Grupo D com as cotas do Bumbet.

Argentina

A Argentina sacramentou sua classificação para a Copa do Mundo na bacia das almas, após uma vitória sobre o Equador na última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas. Com o resultado, terminou na terceira colocação após flertar seriamente com a possibilidade de não ir à Rússia. 

Como tudo na vida tem dois lados, todo este sofrimento rendeu pelo menos um aspecto positivo para a Albiceleste. Após anotar os três gols na partida decisiva e evitar o vexame de sua seleção, o craque Lionel Messi vive uma lua de mel sem precedentes com o povo argentino, e naquela que será provavelmente sua última Copa, chegará com motivação total para tirar o país de uma fila que já dura 32 anos. 

A competição marcará ainda a despedida da geração de Di María, Agüero, Higuaín, Biglia, Banega e outros jogadores que, apesar do inegável talento, nada conquistaram pela seleção. 

A camisa bicampeã do mundo tem peso, e a Argentina surge como franca favorita para avançar à fase eliminatória. De acordo com o Bumbet, a classificação renderá R$ 1,15 por cada real apostado, e se for em primeiro lugar no grupo, o valor subirá para R$ 1,55. Porém, se tudo der errado para os novos vizinhos, e eles empacarem na fase de grupos tal qual em 2002, o retorno será de 400%.

Islândia

Ao concluir sua participação nas Eliminatórias na primeira colocação do Grupo I, com 73,3% de aproveitamento, e garantir a vaga na Copa sem a necessidade de disputar uma repescagem, a Islândia provou que a excelente campanha que a levou às quartas-de-final da Eurocopa em 2016 não foi apenas fruto do acaso. O pequeno país do norte da Europa não se cansa de dar mostras de que pode ser surpreendente, e desponta como forte candidato a zebra.

Um dos destaques do time, o atacante Kolbeinn Sigthórsson, sofreu uma séria contusão no menisco que o mantém há quase dois anos afastado dos gramados, e sua participação na Copa ainda é incerta. Quem vem chamando a responsabilidade é o meia do Everton Sigurðsson, jogador mais conhecido de um plantel que tem ainda o jovem Hörður Magnússon, zagueiro que atua pelo Bristol City, e o meia Aron Gunnarsson, do Cardiff.

A reedição do duelo contra a Croácia, que nas Eliminatórias rendeu uma vitória para cada lado, promete fortes emoções.  

As cotas do Bumbet apontam a Islândia como mais provável candidata a ficar pela primeira fase, com um retorno de 28%. Caso a equipe contrarie os prognósticos, o lucro será de R$ 2,50 sobre cada real investido. Se a classificação vier com a primeira colocação no grupo, o apostador receberá uma bolada equivalente a 15 vezes o montante aplicado.  

Croácia

Depois de surpreender o mundo na sua primeira participação em uma Copa e terminar em terceiro lugar em 1998, a Croácia nunca conseguiu ir além da primeira fase nas outras três edições em que esteve envolvida. Desta vez, apesar de contar com bons valores individuais, os croatas chegam desacreditados em função da guerra de egos que toma conta do plantel.

O time fez uma campanha apenas mediana no Grupo I das Eliminatórias, e com 66,7% de aproveitamento somou dois pontos a menos que a Islândia. Na repescagem, fez um bom jogo em casa contra a Grécia, goleou por 4x1, e precisou apenas administrar um empate sem gols em Atenas. Em seu último amistoso, disputado em maio, venceu o México por 2x1.

As maiores esperanças da torcida recaem sobre o meia Luka Modric. O camisa 10 do Real Madrid foi considerado o sexto melhor jogador do mundo pela FIFA em 2017, e recentemente ganhou a Bola de Ouro como destaque da Copa do Mundo de clubes. Além dele, o time também conta com os meias Rakitić, do Barcelona, e Vlašić, do Everton, o zagueiro Lovren, que atua pelo Liverpool, e o atacante Mario Mandžukić, hoje jogador da Juventus.

Se conseguirem manter o foco apenas no futebol, os croatas têm boas chances de avançar para as oitavas, e garantir ao apostador um lucro de 52%. Caso se classifiquem na primeira colocação o retorno será ainda melhor, R$ 3,10 por real apostado. Entretanto, se repetirem o desempenho das últimas três copas, o investimento será multiplicado por 2,5.

Nigéria

A Copa da Rússia será a sexta da história da seleção nigeriana, e a quinta em que os africanos terão a seleção da Argentina pelo caminho. O retrospecto não é favorável, já que os Albicelestes levaram a melhor em todas. Porém, em amistoso disputado em meados de novembro, foi a Nigéria quem venceu, e pelo placar elástico de 4x2.

Os Green Soldiers conquistaram a primeira colocação do Grupo B das Eliminatórias Africanas, que tinha ainda Zâmbia, Camarões e Argélia, com um aproveitamento de 72,2%, e cinco pontos de vantagem sobre o segundo colocado. Entretanto, a exemplo da seleção croata, também lidam com uma série de problemas internos. No caso dos africanos, a discórdia é causada por premiações não pagas pela federação local.

Individualmente, a equipe é de longe a melhor dos últimos anos, e conta com jogadores conhecidos, como o meia Victor Moses, do Chelsea, o atacante Alex Iwobi, do Arsenal, e os também atacantes Kelechi Iheanacho e Ahmed Musa, que atuam pelo Leicester.

Com um bom retorno de R$ 3,20/R$ 1,00 para uma possível classificação, segundo as cotas do Bumbet, a Nigéria é uma opção interessante para as apostas, já que tem totais condições de cumprir o objetivo. A classificação como primeira do grupo é mais improvável, mas se acontecer pagará 13 vezes o valor investido. Um eliminação precoce proporcionará 33% de rendimento.   

Apostas no Grupo D

Avançará a partir da fase de grupos:

Odds em 28 de dezembro, segundo o Bumbet

  • Argentina: R$ 1,15
  • Croácia: R$ 1,52
  • Nigéria: R$ 3,20
  • Islândia: R$ 3,50
Não avançará a partir da fase de grupos:

Odds em 28 de dezembro, segundo o Bumbet

  • Islândia: R$ 1,28
  • Nigéria: R$ 1,33
  • Croácia: R$ 2,50
  • Argentina: R$ 5,00
Apostas nos jogos:

Odds em 28 de dezembro, segundo o Bumbet; horário de Brasília

  • 16/06, 10:00 – (R$ 1,36) Argentina x Islândia (R$ 9,00); empate (R$ 4,50)
  • 16/06, 16:00 – (R$ 1,90) Croácia x Nigéria (R$ 4,20); empate (R$ 3,30)
  • 21/06, 15:00 – (R$ 1,80) Argentina x Croácia (R$ 4,50); empate (R$ 3,50)
  • 22/06, 12:00 – (R$ 2,70) Nigéria x Islândia (R$ 2,60); empate (R$ 3,20)
  • 26/06, 15:00 – (R$ 6,95) Nigéria x Argentina (R$ 1,50); empate (R$ 4,11)
  • 26/06, 15:00 – (R$ 4,37) Islândia x Croácia (R$ 1,85); empate (R$ 3,51)

Comments