Melhores Sites De Apostas

*Termos e condições se aplicam a todos os bônus oferecidos neste website. Visite a operadora para mais detalhes.

Grupo F na Copa do Mundo 2018: Alemanha, México, Suécia e Coréia do Sul

Foto: Michael Steele/Getty Images

Uma Alemanha no caminho: nem com 100% de aproveitamento México está garantido no Grupo F

Os quatro times chegam à última rodada com chances de classificação

A espetacular virada da Alemanha sobre a Suécia modificou completamente o panorama do Grupo F da Copa do Mundo, e agora as quatro equipes chegam à última rodada com chances de classificação. O México lidera, com seis pontos, suecos e alemães estão empatados, com três, e a lanterna, Coreia do Sul, ainda não pontuou.

Diante de tamanha indefinição, o momento é propício para quem pretende realizar apostas. Confira os nossos palpites e fature alto com as cotas do Bet365.

México volta a vencer, mas ainda não está garantido

A vitória por 2x1 sobre a Coreia do Sul poderia ter classificado o México se a Alemanha tivesse tropeçado contra a Suécia, mas diante do triunfo dos tetracampeões mundiais, o jogo da última rodada passou a ter um caráter decisivo.

Com seis pontos e dois gols de saldo, os mexicanos ainda podem ser alcançados pela Alemanha e a própria Suécia, por isso precisam pelo menos de um empate na Arena Ekaterinburg. Em caso de derrota, restará ao México torcer por um triunfo da Coreia do Sul.

Com Chicharito Hernández e o jovem Lozano atravessando grande fase, os comandados de Juan Carlos Osório são favoritos para vencer o jogo de quarta-feira.

  • Odds para se classificar: R$ 1,20/um
  • Odds para ser o vencedor do grupo: R$ 1,26/um
  • Odds para não se classificar: R$ 4,36/um

Somente um milagre pode salvar a Coreia do Sul

Apesar da campanha pífia realizada até aqui, com duas derrotas em dois jogos, a Coreia do Sul chega à última rodada com chances remotas de se classificar. Para isto, precisarão golear a Alemanha e torcer para que o México leve a melhor sobre a Suécia.

Por ser praticamente impossível, o eventual sucesso dos sul-coreanos nesta empreitada renderá lucros espetaculares, e pode ser uma opção para os apostadores mais audaciosos. É importante ter em mente, porém, que o investimento nos asiáticos tem tudo para se revelar um grande tiro no pé.

  • Odds para se classificar: R$ 34,00/um
  • Odds para não se classificar: R$ 1,005/um

Alemanha está viva, e pode enfrentar o Brasil

Depois da derrota para o México na estreia, a partida contra a Suécia serviu para lavar a alma do torcedor alemão. A atuação mais uma vez esteve abaixo do potencial do elenco, mas a forma com que arrancou o resultado enche o time de moral para os próximos jogos.

Para avançar às oitavas-de-final, a Alemanha precisa vencer bem a Coreia do Sul, de preferência por uma margem elástica, pois assim garante vantagem no saldo de gols mesmo que a Suécia vença o México. Em caso de novo tropeço, só restará a torcida para que os mexicanos vençam mais uma.

O técnico Joachim Löw não poderá contar com o zagueiro Boateng, que foi expulso contra a Suécia e precisará cumprir suspensão. O elenco oferece poucas alternativas para o setor. Depois dos 7x1 nas semifinais de 2014, são boas as chances de uma reedição do duelo contra o Brasil na próxima fase.

Fique de olho no alto valor dos odds, pois de acordo com o Bet365, se os germânicos conseguirem terminar na liderança do grupo o investimento será quintuplicado, e caso voltem mais cedo para casa, o apostador embolsará R$ 7,00 por cada real apostado.

  • Odds para se classificar: R$ 1,10/um
  • Odds para ser o vencedor do grupo: R$ 5,00/um
  • Odds para não se classificar: R$ 7,00/um

Apesar da frustração, Suécia depende apenas de seu resultado

Os suecos terão uma missão extremamente complicada na última rodada, mas sua situação não chega a ser desesperadora. Com o provável triunfo da Alemanha sobre a Coreia do Sul, os nórdicos entrarão em campo com a obrigação de vencer o México, e se possível por uma boa diferença de gols para superar os adversários no saldo.

No entanto, com apenas dois tentos anotados até aqui, o time demonstra fragilidade em seu setor ofensivo, e precisando se arriscar em busca da vitória, cederá espaços para o fulminante contra-ataque do El Tri.

Outra possibilidade é torcer para que a Coreia do Sul vença a Alemanha, mas o técnico Janne Andersson certamente não conta com este resultado.

  • Odds para se classificar: R$ 2,75/um
  • Odds para ser o vencedor do grupo: R$ 6,00/um
  • Odds para não se classificar: R$ 1,12/um

Classificação do Grupo F

  • 1º México, 6
  • 2º Suécia, 3
  • 3º Alemanha, 3
  • 4º Coreia do Sul, 0

Jogos da 3ª rodada do Grupo F

Quarta-feira, 27 de junho

Odds em 23 de junho, segundo o Bet365.

  • 11:00 – (R$ 15,00) Coreia do Sul x Alemanha (R$ 1,16); Empate (R$ 7,00) – Palpite: Alemanha
  • 11:00 – (R$ 2,50) México x Suécia (R$ 2,75); Empate (R$ 3,30) – Palpite: México

as melhores casas de apostas

 

18/06/1988

E agora, Alemanha? O que muda no Grupo F com os resultados da primeira rodada

Derrota da Alemanha para o México foi uma das maiores zebras do Mundial até aqui; Suécia confirma favoritismo e passa pela Coreia do Sul

Você apostaria contra o atual campeão diante de uma seleção coadjuvante na Copa do Mundo? Quem foi por este caminho se deu muito bem e viu os investimentos ganharem o rendimento de 750%, já que o México deixou os fãs de futebol boquiabertos ao derrotar a Alemanha pelo placar de 1 a 0. Na outra partida do Grupo F, a lógica não desapontou, quando a Suécia, em confronto disputado na manhã desta segunda-feira (18), ganhou da Coreia do Sul também pelo placar mínimo. Vamos dar um giro pela segunda rodada da chave? Chegou a hora - confira com atenção os odds do Bovada para a segunda rodada.

Grupo F: Alemanha x Suécia

No próximo sábado (23), irão se desenrolar as duas próximas partidas da chave. A segunda é a mais esperada e está marcada para as 15h (horário de Brasília), no estádio Olímpico de Sochi, entre alemães e suecos. A derrota dos germânicos, combinada a um novo triunfo mexicano, representaria a surpreendente eliminação dos tetracampeões, que tiveram uma atuação muito abaixo da expectativa na estreia, que aconteceu ontem (17), em Lujniki.

Aliás, o péssimo desempenho dos comandados de Joachim Löw fez as cotações para o próximo campeão se modificarem. Antes atrás apenas do Brasil, a Alemanha foi ultrapassada por Espanha e França e, hoje, é apenas a quarta melhor cotada para levantar o caneco em uma aposta que traz o lucro de 900% (momento oportuno para colocar, no mínimo, R$ 10).

É bem verdade que os escandinavos não apresentaram um padrão de jogo empolgante contra os sul-coreanos, sendo que a magra vitória por 1 a 0 se deu em um pênalti, confirmado graças ao árbitro de vídeo (VAR). Já a derrota alemã segue um padrão que se repete desde 2010, quando os atuais campeões tropeçaram na estreia – Itália (empate com o Paraguai em 1 a 1, na África do Sul), Espanha (goleada sofrida para a Holanda, por 5 a 1, em 2014), além de França (1 a 0 Senegal, em 2002) e Argentina (1 a 0 para Camarões, em 1990).

Mercado de apostas

Assim como no caso do Brasil, que empatou com a Suíça e frustrou a maioria dos investidores, a confiança do mercado nos germânicos, pelo menos no que diz respeito aos confrontos no Grupo F, segue inabalada. Se a vitória sobre os suecos se confirmar, o retorno previsto nos investimentos é de 36%. Agora, se os nórdicos mantiverem os 100% de aproveitamento no Mundial, o pagamento dispara para R$ 9,00 por R$ 1, enquanto o empate vale R$ 5,50/R$ 1.

Apostas específicas para Alemanha x Suécia:
  • Alemanha à frente do placar nos dois tempos: R$ 2,00/R$ 1
  • Alemanha vence por um gol de diferença: R$ 3,25/R$ 1
  • Suécia ganha por um gol de frente: R$ 9,50/R$ 1
  • Alemanha abre o placar: R$ 1,25/R$ 1
  • Sem gols antes dos 28 minutos: R$ 1,83

Palpite

Não vejo a Alemanha fora de cena de forma tão precoce. Os resultados decepcionantes pré-Copa já davam mostras de que a máquina alemã precisa de muitos ajustes para entrar no eixo e fazer jus à condição de favorita. Mas Löw deu uma enorme prova de confiança em seus jogadores ao garantir que os germânicos estarão nas oitavas de final. E estou com ele. Pra mim, além da classificação, os atuais campeões vencerão os suecos. Mas no aperto: placar mínimo.

Grupo F: Coreia do Sul x México

O México finalmente se livrou do estigma de “amarelão” quando encara os gigantes europeus em Copas. O histórico triunfo sobre a Alemanha praticamente carimbou o passaporte para a fase de mata-mata. Contra a Coreia do Sul, em confronto que será realizado às 12h (horário de Brasília), também no sábado (23), os mexicanos são mais que barbadas e merecem a sua confiança. Confira os odds abaixo:

Coreia do Sul x México

Odds em 18 de junho, segundo o Bovada

  • 23/06 – 12:00: (R$ 7,50) Coreia do Sul x México (R$ 1,55); empate (R$ 4,00) – palpite: México

Palpite

Pode colocar na minha conta: o México está nas oitavas de final e vencerá, sem sustos, os sul-coreanos pela diferença de dois gols no placar (433% de lucro).

Quer saber mais palpites nas mais diversas modalidades de apostas no Mundial da Rússia? Acesso agora o link da nossa página especial sobre a Copa do Mundo.

as melhores casas de apostas

 

02/01/2018

Time alemão deve se classificar em primeiro, enquanto México e Suécia duelarão pela outra vaga

Com a atual campeã, Alemanha, como cabeça-de-chave e grande favorita, o Grupo F da Copa do Mundo deve ter uma disputa intensa entre México e Suécia pela segunda vaga. A equipe sul-coreana, que se mostrou extremamente frágil durante as Eliminatórias Asiáticas, desponta como azarona, e ao que tudo indica irá à Rússia apenas para fazer turismo. Os resultados da chave interessam diretamente ao Brasil, que se avançar de fase enfrentará uma destas seleções nas oitavas-de-final.

Confira os prognósticos para o Grupo F com as cotas do Bumbet.

Alemanha

Quando a Alemanha se despediu da Eurocopa 2016, ao perder para a França na semifinal, houve quem se apressasse para decretar o fim do reinado dos campeões mundiais. No entanto, o tempo provou que apesar da distância entre os comandados  de Joachim Löw e seus principais adversários não ser mais tão grande quanto há quatro anos, a equipe definitivamente não pode ser descartada entre as maiores favoritas para a conquista do título na Rússia.

Os alemães fizeram uma campanha irretocável nas Eliminatórias Europeias, e concluíram sua participação na primeira colocação do Grupo C, o mesmo de Irlanda do Norte e República Tcheca, com 100% de aproveitamento. Na Copa das Confederações, mesmo com uma escalação alternativa, o time triunfou com relativa facilidade, e o plantel ganhou novas opções com a chegada de jogadores como Goretzka, Werner e Stindl.

Dos grandes nomes da conquista de 2014, devem marcar presença na Rússia Boateng, Hummels, Toni Kroos,  Özil, Thomas Müller, Mario Götze e Khedira, mas este último tende a perder a vaga entre os titulares para Goretzka. As preocupações ficam por conta do goleirão Neuer, que está há quase um semestre parado devido a uma fratura no pé esquerdo, e do meia Marco Reus, que em função de suas sucessivas lesões já ficou de fora da Copa de 2014 e da Euro 2016. O jogador trabalha para se recuperar após um novo rompimento do ligamento do joelho.

As cotas do Bumbet colocam a Alemanha como franca favorita a terminar na primeira colocação do grupo, com um retorno de 30%. A aposta na classificação dos germânicos renderá 7%. O/a investidor/a terá uma excelente rentabilidade se o time for eliminado na primeira fase, R$ 8,00/R$ 1,00, mas esta é uma possibilidade bastante remota.

México

O México chega para a disputa da 16ª Copa do Mundo de sua história, e a sexta consecutiva, com um plantel bastante experimentado, e jogadores que individualmente atravessam bons momentos em seus clubes. Atletas como Guillermo Ochoa, Andrés Guardado, Héctor Moreno, Héctor Herrera e Chicharito Hernández devem jogar na Rússia o último mundial de suas carreiras, e esperam ir além das oitavas-de-final, fase em que o time caiu nas suas seis participações mais recentes.

As Eliminatórias da Concacaf foram um passeio para os mexicanos. Os comandados de Juan Carlos Osorio terminaram na primeira colocação, com cinco pontos  de vantagem sobre a Costa Rica, e só foram perder uma partida na última rodada, quando a classificação já estava assegurada. Em 2017, a equipe disputou ainda a Copa das Confederações, e apesar de ter feito uma boa campanha na primeira fase, teve que se contentar com a quarta colocação depois de perder para Alemanha e Portugal. O time é alvo de críticas por parte da imprensa e torcedores locais  por não se sair bem quando enfrenta adversários de primeiro nível.

O retrospecto dos últimos mundiais tem peso, e as cotas do Bumbet  apontam a seleção mexicana como a segunda força do grupo, oferecendo uma premiação de R$ 2,10/R$ 1,00 em caso de nova classificação para as oitavas. O retorno para uma eliminação precoce será de 71%, mas se o Tricolor surpreender e terminar em primeiro lugar, cada real apostado renderá R$ 6,50. 

Suécia

Dona de um notável histórico em Copas do Mundo, a Suécia retorna à competição após 12 anos apostando em um elenco sem grandes estrelas, mas muito competitivo. A equipe teve uma das trajetórias mais complicadas até a Rússia, mas se fortaleceu ao superar cada um dos desafios que apareceram pelo caminho. O primeiro foi disputar as Eliminatórias no Grupo A, o mesmo de França e Holanda. A Laranja Mecânica ficou para trás por ter um saldo de gols inferior, e a Suécia foi para a repescagem contra a poderosa Itália. Contrariando novamente todas as expectativas, os vice-campeões mundiais de 1958 carimbaram seu passaporte com uma vitória pela contagem mínima e um empate sem gols.   

O técnico Janne Andersson vive um grande dilema nesta fase final de preparação, manter o elenco modesto que deu resultado até o momento ou ceder às pressões para convocar o centroavante Ibrahimovic. Aposentado da seleção desde 2016, o maior jogador da história da Suécia já tem idade avançada, e passou os últimos anos às voltas com inúmeras contusões, mas suas simples presença poderá ser suficiente para impôr respeito aos adversários. Os atletas mais conhecidos atualmente são Forsberg, do RB Leipzig, e Lindelof, que atua pelo Manchester United.

De acordo com o Bumbet, se a Suécia se classificar para as oitavas o apostador terá um lucro de 125%, que chegará a 650% caso a equipe termine como primeira do grupo. Se ficar pelo caminho, cada real investido retornará R$ 1,60.

Coréia do Sul

A seleção da Coréia do Sul é mais uma habitual frequentadora de Copas do Mundo, mas com exceção de 2002, quando sediou a competição, e terminou em quarto lugar, nunca conseguiu realizar grandes campanhas, e na maior parte das vezes foi eliminada ainda na primeira fase.

O time dirigido por Taeyong Shin obteve a classificação sem qualquer brilho ao ficar em segundo lugar no Grupo 1 das Eliminatórias Asiáticas, com sete pontos a menos que o Irã. Seu aproveitamento foi de 50%, e em dez rodadas o ataque balançou as redes apenas 11 vezes, enquanto a defesa foi vazada em 10 oportunidades. Nos amistosos preparatórios disputados em 2017, os asiáticos perderam para Rússia e Marrocos, empataram com o Iraque e a Sérvia, e venceram a Colômbia.

Em um plantel com poucos destaques de nível internacional, os nomes mais conhecidos são os de Son Heung-min, do Tottenham, e Ki Sung-yueng, do Swansea.

Segundo o Bumbet, a Coréia do Sul é a seleção mais cotada para uma eliminação na primeira fase, com um retorno de 28%. O apostador terá excelentes lucros de R$ 2,50/R$ 1,00 caso a equipe se classifique, e R$ 17,00/R$ 1,00 se for a líder do grupo.

Apostas no Grupo F

Avançará a partir da fase de grupos:

Odds em 02 de janeiro, segundo o Bumbet

  • Alemanha: R$ 1,07
  • México: R$ 2,10
  • Suécia: R$ 2,25
  • Coréia do Sul: R$ 3,50
Não avançará a partir da fase de grupos:

Odds em 02 de janeiro, segundo o Bumbet

  • Coréia do Sul: R$ 1,28
  • Suécia: R$ 1,60
  • México: R$ 1,71
  • Alemanha: R$ 8,00
Apostas nos jogos:

Odds em 02 de janeiro, segundo o Bumbet; horário de Brasília

  • 17/06, 13:00 – (R$ 1,50) Alemanha x México (R$ 6,50); empate (R$ 4,10)
  • 18/06, 10:00 – (R$ 2,20) Suécia x Coréia do Sul (R$ 3,40); empate (R$ 3,20)
  • 23/06, 13:00 – (R$ 1,50) Alemanha x Suécia (R$ 6,00); empate (R$ 4,35)
  • 23/06, 16:00 – (R$ 3,75) Coréia do Sul x México (R$ 1,95); empate (R$ 3,50)
  • 27/06, 13:00 – (R$ 2,51) México x Suécia (R$ 2,96); empate (R$ 3,22)
  • 27/06, 13:00 – (R$ 11,82) Coréia do Sul x Alemanha (R$ 1,28); empate (R$ 5,43)

Comments